• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Aprenda como a proteína da clara do ovo ajuda na musculação

    Albumina, proteína da clara do ovo, clara de ovo em pó, clara de ovo pasteurizada… Ou simplesmente OVO! Essas são algumas das denominações que a proteína presente no ovo recebe. Apesar de ser uma proteína ainda banalizada por muitos e colocada sua eficácia em dúvida, a proteína da clara do ovo demonstra aspectos ímpares, tanto em efetividade, quanto em custo benefício.

    clara-do-ovo-cozida

    Banner_336x280_Albumina

    Assim, diferente de muitos mitos populares ou mesmo preconceitos com essa excelente fonte de proteínas, aprenderemos um pouco mais sobre ela e esclareceremos alguns pontos sobre seu consumo, estimulando-o a obter ainda mais resultados com essas novas descobertas colocadas em prática.

    BAIXE DE GRAÇA: E-book com 20 Receitas Incríveis para Queima de Gordura e Ganho de Massa Muscular.

    A proteína da clara do ovo

    A proteína da clara do ovo pode ser considerada uma proteína de alto valor biológico (AVB), o que demonstra que ela possui todos os aminoácidos essenciais para o corpo. Ainda nesse ponto, por se tratar de uma proteína de origem animal, ela possui quantidades significantes de BCAAs, que são grandes aminoácidos relacionados com a musculação, por seu caráter energético e por ser capaz de estimular a síntese proteica e também a secreção de insulina, o que contribuirá para o anabolismo e o anti-catabolismo muscular. Além disso, ela é rica em outros aminoácidos que são de alta importância no corpo como a L-Glutamina, que está intimamente relacionada com o sistema imunológico, está relacionada com a diminuição da fadiga muscular e etc.

    Entre as vitaminas presentes na clara do ovo, que não são muitas, a que mais se destaca é a Riboflavina, também chamada de Vitamina B2 (cerca de 100g de clara de ovo fornecem 28% das necessidades diárias dessa vitamina), que participa do metabolismo energético e é de extrema importância para a saúde dos olhos, pele, cabelos e boca. Caso haja uma deficiência dessa vitamina no corpo, podem ocorrer ulcerações bocais, inflamações gengivais, entre outros sintomas, além do metabolismo energético ser prejudicado.

    clara-de-ovo-no-prato

    Já entre os minerais presentes na clara do ovo, os que estão em maior concentração é o sódio, o que também não é algo a se preocupar, e o selênio, que em cerca de 100g de claras de ovos fornece cerca de 29% das necessidades diárias recomendadas.

    Suas características de digestão, são muito interessantes. Apresentando-se fácil de digerir, por sua frágil estrutura, a clara de ovo é altamente recomendada para muitas pessoas que sentem desconfortos ou outros problemas no trato gastrointestinal ao se alimentarem com fontes mais pesadas de proteínas, como as carnes.

    Portanto, apresentando uma nutrição tão ímpar, a clara de ovo é uma opção barata para fornecimento proteico, seja para praticantes de musculação, praticantes de outras modalidades esportivas ou mesmo indivíduos inativos no esporte. Ela será uma grande aliada na recuperação muscular.

    A utilização da clara do ovo

    Banner_600x400_Albumina

    A clara do ovo é muito versátil, de fácil preparo e pode ser consumida desde em sua forma pura, até em adição a receitas doces e salgadas.

    Quando consumida sozinha, boas opções são: cozida, pochê, grelhada ou mesmo frita. Entretanto, JAMAIS deve-se consumir a clara de ovo crua, pois isso certamente acarretará prejuízos para a saúde, como a salmonelose. Além disso, ela possui fatores antinutricionais quando crua, o que reduzirão sua eficácia e a absorção de outras vitaminas e proteínas. Quando cozida ou grelhada, é importante que ela passe por um cozimento onde o seu centro geométrico (gema) chegue em pelo menos 74-76ºC.

    ENCONTRE: Os melhores suplementos vendidos no Brasil!

    Os momentos para o consumo da clara do ovo são inúmeros e não existem regras. Ela pode ser uma proteína extremamente interessante para se consumir na primeira refeição, pois combina com alimentos doces; pode ser uma opção antes de dormir, pela facilidade de digestão; e até mesmo usada antes do treino, para facilitar a digestão. Apesar de não ser a proteína mais interessante para se consumir imediatamente após o treino, ela é interessante para a refeição sólida após o treino, onde podemos propor proteínas com uma maior facilidade na digestão.

    valor-nutricional-clara-do-ovo

    Conclusão:

    Presente diretamente ou indiretamente na dieta de diversas regiões do mundo, a clara de ovo exibe-se como uma excelente opção de consumo proteico, e é capaz de promover bons resultados em aspectos relacionados a saúde e também ao desempenho físico.

    VEJA TAMBÉM: Importância de ingerir o ovo inteiro na dieta

    Portanto, sabendo como consumi-la adequadamente, nas quantidades e momentos corretos, certamente muitos serão os benefícios obtidos de maneira prática e barata.

    Artigo escrito por Marcelo Sendon (@marcelosendon)

    141 Comentários

    1. priscila 2 meses atrás
    2. Rafael 3 meses atrás
    3. Jonatha Kelwyn 3 meses atrás
    4. Marlon 3 meses atrás
    5. cleodon feliciano de araujo filho 4 meses atrás
    6. Jeitson 5 meses atrás
    7. Luan 6 meses atrás
    8. Diego 6 meses atrás
    9. Leonardo 6 meses atrás
    10. Marcelo 7 meses atrás
    11. Cesar 7 meses atrás
    12. jardesson costa 7 meses atrás
    13. Laila Cristina mady 8 meses atrás
    14. Denise Diniz 9 meses atrás
    15. Pedro 10 meses atrás
    16. Gustavo 11 meses atrás
    17. Eduardo 11 meses atrás
    18. Allan César 12 meses atrás
    19. andre luis 12 meses atrás
    20. Maicon 12 meses atrás
    21. julian roberto 12 meses atrás


    /* */