• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Aprenda 3 estratégias para otimizar sua alimentação

    Conheça algumas dicas para que você possa melhorar a sua alimentação e assim obter cada vez mais resultados!

    Talvez, na casa de um praticante de musculação, o local mais frequentado seja a cozinha. Isso porque, é lá que ocorrem não somente as refeições, as quais estão basicamente presentes a todo instante na vida de quem tem um bom controle sobre a alimentação, mas é lá também que ocorre a preparação das mesmas, a qual requer certo tempo, dedicação e estratégias para que você possa otimizar seu tempo, dinheiro e continuar mantendo a qualidade nutricional desejada e possível.

    bodybuilder-na-cozinha

    Comprar Whey Protein Feminino

    E sabendo que a alimentação é um fator fundamental na vida de qualquer ser humano, estratégias e dicas são sempre bem vindas para otimizar a alimentação, o tempo de preparo dos alimentos, forma de se alimentar e etc.

    Por isso neste artigo serão apresentadas três pequenas dicas as quais podem, de maneira inteligente, auxiliar uma pessoa dentro da cozinha e favorecer seu empenho e os resultados obtidos por uma boa prática de preparação alimentar e de consumo alimentar também.

    1- Evite cortes de carne de refugo

    Hoje no mercado existem INÚMEROS cortes de carnes, da mais diferentes variedades. Entre esses cortes estão aqueles conhecidos como refugo. Normalmente, esses são cortes que sobraram de cortes melhores. Banhados mais a gordura do que a carne, eles até tem um custo mais barato, mas certamente estão longe de ser a melhor escolha.

    Esses cortes são o que podemos chamar de “resto”. É como se alguém fosse lá comprasse o corte bom do bom e o que foi retirado, que não servia para a parte boa fosse vendida mais barata. Mas para conseguir um bom corpo e uma boa saúde nós não podemos nos alimentar de resto, não é verdade?

    Talvez pagar um pouco mais caro em carnes de qualidades maiores, seja realmente a opção mais viável. É muito mais interessante gastar um pouco mais em algo que funcionará, do que continuar investindo em algo que não gerará os mesmos resultados os quais pretendemos ou que são possíveis de serem atingidos.

    2- Reserve um pouco de dinheiro para as compras

    Todo bom bodybuilder sabe que deve ter certa economia e que boa parte do que tem financeiramente é aplicado a fins alimentares. Ainda mais no Brasil, muitos são os preços abusivos e não há como fugir disso. A melhor forma é se adaptar, procurar não gastar sem necessidade e etc.

    Obviamente, justificar ganhos ou a falta de resultados pela presença ou ausência de boas condições financeiras, é dar desculpas que não fazem sentido, isso porque existem e existiram inúmeros atletas que tiveram bons resultados e chegaram a níveis altos, com baixas condições financeiras. Independentemente, é incontestável que boas condições financeiras podem auxiliar grandemente e seria hipocrisia dizer o contrário.

    Cupom de Desconto DDM

    Assim, mesmo que você não tenha as mais altas condições financeiras, reserve sempre uma parte se seu orçamento para desprender com o mercado. Dê preferências a carnes mais caras, porém limpas, dê preferência a alimentos pouco ou nada refinados, dê preferência a boa frutas como o abacate, o grapefruit, as blueberries e as framboesas, aos peixes de água profunda como o salmão, bacalhau, dê preferência a óleos em spray para cozimento, entre outros tantos itens. Certamente, para quem está acostumado a desprender dinheiro em “bobagens” essa será uma mudança radical, a qual, após gerar resultados, se tornará mais normal do que você mesmo pode imaginar.

    Portanto, não pense duas vezes: Sua saúde e seus resultados merecem o melhor!

    3- Procure manter o básico e o simples

    Sabe qual o grande problema da maioria que hoje afirma que fazer dieta é algo trabalhoso e que leva tempo? Esquecem que se seguirem protocolos mirabolantes ou ao menos seguirem protocolos complexos e demorados, esses serão cada vez mais ineficazes, gerando assim cada vez menos resultados e fazendo-o desanimar e desistir no meio do caminho.

    Receitas, preparações diferentes e outros realmente são muito interessantes, podem entrar na dieta e para as pessoas que tem isso como hobbie, não afetarão em nada. Entretanto, para alguém que possui a vida corrida, que sai pela manhã para trabalhar e volta a noite, isso torna-se péssimo e inviável!

    Portanto, optar pelo básico é também optar por algo que se possa seguir de maneira adequada de maneira contínua. Convenhamos que é muito mais fácil grelhar 3 ou 4 carnes em um grill, ou mesmo coloca-las no forno por alguns minutos, preparar uma boa quantidade de arroz e utilizar alguns vegetais congelados para algumas refeições do dia do que criar uma panqueca proteica para a primeira, um bolo de whey de banana na segunda, um sanduíche não sei das quantas na terceira e alguma outra preparação na quarta…

    marmitas-simples-dia-a-dia

    Ser esperto é também entender que você pode variar a dieta de maneira muito mais simples: Considere o uso de molhos diferentes, considere o uso de temperos diferentes, entre outros tantos itens que deixarão sua comida com uma “cara diferente”.

    Conclusão:

    Há muitos aspectos os quais podem auxiliar o praticante de musculação a manter-se em controle. Esses aspectos podem ser diretamente encontrados em sua vida e em sua volta ou em ambientes externos. Bastará a boa vontade em entender melhor o que lhe e necessário e o que melhor poderá assistir suas necessidades individuais.

    Boa alimentação!

    Artigo escrito por Marcelo Sendon (@marcelosendon)



    /* */