• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Como manter a dieta de offseason nas festas de final de ano

    Se você quer manter sua dieta no final do ano e não sabe como vai conseguir sem exageros, leia nosso artigo que temos várias dicas de uma alimentação prática, para que você não perca todo o ganho conquistado ao longo do ano.

    É muito comum entrarmos em sites relacionados ao mundo da musculação e da boa forma e vermos artigos referentes a como manter a “dieta” no período de final de ano, uma vez que, normalmente alguns exageros alimentares costumam acontecer, o consumo de álcool também costuma ser maior e aliado a isso, a prática de atividades físicas, devido a viagens ou mesmo academias fechadas também fica reduzida.

    menter-dieta-fim-de-ano

    banner-pure-whey-probiotica-300x250

    Entretanto, o termo “dieta” normalmente faz menção a pessoas as quais estão buscando a redução de gordura corpórea, ou seja, pessoas as quais NÃO QUEREM ganhar peso. Porém, esse mesmo termo também pode ser referente a pessoas as quais, através da alimentação, buscam o aumento de peso e o aumento de massa muscular, afinal, dieta advém do grego e significa “hábito”, sendo portanto, nossos hábitos alimentares.

    Indiscutivelmente, tanto para reduzir a gordura corpórea, quanto para ganhar massa muscular, é necessário uma alimentação adequada e, dito de outra forma, se ela não existir, certamente os resultados serão ruins. No primeiro caso, a pessoa não irá perder peso e ainda poderá ganhar gordura. No segundo, ela poderá não ganhar massa muscular e da mesma forma, acabar elevando seu peso através do aumento da adiposidade, o que não é interessante, tanto em fatores estéticos quanto relacionados à saúde.

    Muitos imaginam que o simples fato de estar em dieta para aumentar o peso e a massa muscular dá liberdade para que a pessoa não se preocupe com as festas de final de ano e saia cometendo todos os exageros possíveis, especialmente no que tange a comilança. Porém, poucos sabem que isso será altamente prejudicial e comprometedor para os seus resultados.

    O site Dicas de Musculação é realmente um diferencial, portanto, falaremos a respeito de como manter melhor a dieta de offseason no período de final de ano para que você, que se dedicou o ano todo, possa conseguir bons resultados mesmo nesse período e aliado a isso, sem também deixar de aproveitar momentos os quais poderão ser inesquecíveis.

    Por que devemos seguir a dieta mesmo em offseason nos períodos de final de ano?

    Se você ainda tem dúvidas das razões pelas quais você deve manter sua dieta, mesmo estando em offseason, aqui estão algumas justificativas:

    Aumentar demais a adiposidade irá fazer com que seu metabolismo regrida e portanto, isso será prejudicial como um todo para o ganho de massa muscular;

    dieta-final-de-ano

    – O aumento da gordura corpórea devido a excessos alimentares compromete processos insulínicos e poderá, com isso, começar a resultar em resistências à insulina, prejudicando o ganho de massa muscular e favorecendo ainda mais o ganho de gordura corpórea;

    – Comer errado poderá significar perda de massa muscular, comprometendo assim o que você lutou para conseguir;

    – O condicionamento físico e a performance tendem a diminuir com o mau fornecimento alimentar;

    – Você poderá pegar algum tipo de intoxicação com abusos e isso poderá resultar em problemas os quais podem te afastar temporariamente de seus treinamentos;

    – O abuso do álcool tenderá a fazer com que suas taxas de produção hormonal anabólicas endógenas reduzam, favorecendo o catabolismo e desfavorecendo a manutenção ou o ganho de massa muscular;

    – Hiperinsulimias causadas por excessos alimentares podem te deixar letárgico e impedir a prática de atividades físicas. Não é porque você está com alta quantidade de compostos energéticos em seu corpo que eles serão otimamente utilizados nas atividades físicas.

    Mas então, agora que você sabe da importância de manter a dieta mesmo em offseason, como você poderia aproveitar melhor as festas de final de ano e ainda mais, usá-las ao seu favor nesse período? Aqui vão algumas dicas:

    – Procure alimentos proteicos

    Alimentos proteicos são excelentes e relativamente fáceis de serem encontrados em quaisquer festas de final de ano. Peru, assados de aves (chester, frango etc), assados suínos magros (tender, lombo sem a capa de gordura, pernil sem gordura etc), peixes diversos e outros pescados ou mesmo a boa e velha carne do churrasco são excelentes opções.

    O consumo proteico auxiliará na manutenção da massa muscular, pois garantirá substratos necessários para a síntese proteica, auxiliará no menor consumo de outros alimentos, pois eles promovem mais rapidamente e por mais tempo a saciedade e ainda são extremamente saborosos.

    Cupom de Desconto DDM

    Alimentos de origem animal ainda fornecerão boas quantidades de vitaminas e sais minerais os quais muitas vezes não são encontrados (pelo menos não em boas e biodisponíveis quantidades) em alimentos vegetais e também boas quantidades de lipídios, favorecendo o controle glicêmico nas refeições, fornecendo ácidos graxos essenciais (família do ômega) e, claro, favorecendo a síntese hormonal endógena.

    – Prefira os carboidratos complexos aos carboidratos refinados ou de alimentos “secos/desidratados”

    É comum que pessoas consumam altas quantidades de carboidratos em épocas de final de ano. Para quem está em bulking, isso não representa TANTOS prejuízos, mas poderá, caso seja feito inadequadamente. É essencial, que você selecione adequadamente as fontes de carboidratos as quais dará preferência ao uso.

    Prefira os carboidratos complexos (arroz, tubérculos, vegetais, raízes, leguminosas) aos carboidratos simples (açúcares em geral como refrigerantes, doces, bolos, tortas doces, sucos etc) ou mesmo frutas secas como a uva-passa, figos, damascos, entre outros.

    Consumindo carboidratos complexos, você manterá melhor a saciedade (especialmente pela presença de fibras alimentares) e também conseguirá otimizar sua resposta glicêmica.

    – Hidrate-se com água ao invés de outras bebidas

    Se você está comendo bem, mas decide pecar na hidratação, cometeu um erro tão grande quanto abusar dos alimentos. Isso porque, o corpo é praticamente constituído por água. Se ela está em déficit, prejuízos irão ocorrer e o metabolismo será prejudicado como um todo, além de que você começará a ter sintomas de enjoos, tonturas, perderá volume muscular e, de uma maneira geral, não irá se sentir bem.

    hidratar-agua-saude-dieta

     Portanto, é essencial que você sempre se hidrate (com água) de maneira adequada. Opte pela água e sucos oa invés de ingerir refrigerantes ou álcool. Beber água não significa que você seja totalmente impedido de beliscar uma outra bebida, porém o número um em sua mesa deve sempre ser a boa e velha (porém indispensável) água.

    – Evite preparações muito complexas

    Tudo na vida, quanto mais simples será melhor. Sendo assim, com os alimentos é a mesma coisa. Pense comigo: Por que normalmente buscamos usar uma dieta simples em nosso dia-a-dia? Simplesmente, porque quanto mais complexa ela for, mais chances ela tem de dar errado.

    A complexidade, normalmente é sinônimo de muitas misturas, muita coisa a se fazer e, nem sempre conseguimos manter o controle absoluto sobre isso tudo. Quer um exemplo simples? Digamos que você tenha que consumir 40g de carboidratos, 55g de proteínas e 20g de lipídios em uma refeição. Agora, imagine que você tem duas opções: Arroz e carne vermelha ou pão, peru, iogurte, banana e granola. Qual é mais fácil de organizar a fim de equilibrar os nutrientes e qual é mais fácil de calcular, de uma maneira geral? Claro que a primeira!

    Sendo assim, quando optamos nas festas de final de ano por utilizar tortas, mexidos, preparações com muitos ingredientes, molhos complexos e outros normalmente estamos ingerindo muito mais nutrientes e comprometendo a qualidade nutricional da refeição. Sendo assim, essas não são boas escolhas.

    É claro que você não precisa excluir isso por completo, afinal ninguém precisa passar vontade de comer um pedaço de bolo ou um prato diferente no final de ano ou no Natal. Porém, essas não devem ser as opções as quais estejam em maior quantidade em suas escolhas.

    Lembre-se de que quanto mais próximas forem suas escolhas do que você precisa comer naquele instante, mais você vai nutrir seu corpo sem perder os prazeres de algo diferente.

    – Não passe fome!

    nao-passe-fome

    Tem muita gente que antes da ceia de Natal ou Ano Novo normalmente passa o dia inteiro sem comer, só pra se matar naqueles minutos. O que ocorre é que, além disso ser algo ruim para o corpo por gerar primeiro muito catabolismo e depois uma grande descarga metabólica, você ainda corre o risco de passar mal e, logicamente, ter problemas digestivos.

    O ideal é que você coma adequadamente e  com certa frequência, pelo menos para manter o metabolismo em estado normal. Quanto mais você foge do que faz em seu dia-a-dia piores serão os prejuízos. Portanto, lembre-se de que alguns momentos não valerão todos os seus esforços passados.

    Conclusão:

    O offseason é uma fase boa e um tanto quanto menos restrita do que a fase de redução de percentual de gordura corpórea (conhecido também como cutting), porém, isso não significa que esse deva ser um período sem responsabilidades e principalmente um período sem o devido comprometimento com dieta e treinamento. Sendo assim, algumas estratégias podem ser fundamentais para desfrutar desses momentos tão esperados o ano todo e, mesmo assim, não comprometer significativamente os resultados que você tanto se esforçou para conseguir.

    Portanto, seja responsável e faça escolhas sempre inteligentes!

    Bons treinos!



    /* */