• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Conheça 5 exercícios realizados na academia que podem ser realizados fora dela

    Veja quais exercícios são praticados nas academias, porém você pode realizar onde quiser

    Certamente, quando você se matriculou em sua academia, buscando o condicionamento físico, o aumento da massa muscular, a reabilitação de lesões, o emagrecimento ou a melhoria no desempenho de outras modalidades, certamente foi apresentado a um mar de possibilidades existentes na mesma, uma vez que, hoje, o arsenal de aulas e atividades existentes nas academias é extremamente vasto, visando agradar “gregos e romanos”. Se você é um aluno iniciante, ou sem um objetivo específico, com certeza, muito encantado, você deve ter optado pela academia a qual mais oferecesse essas possibilidades dentro, claro, de suas possibilidades e do custo X benefício da academia. De outro lado, se você estava buscando uma aula ou atividade específica, certamente optou pela academia a qual tivesse maior ênfase nessa atividade, seja a musculação, com bons pesos livres e aparelhagem de ponta, seja pela aula de jump, aula de spinning, aula de zumba ou qualquer outra coisa do tipo.

    local-mais-apropriado-exercicio

    Comprar suplemento Caseína da Probiótica

    Entretanto, temos de definir que, apesar de em um centro (leia-se academia) a possibilidade de inúmeras atividades serem realizadas, não convém que todas sejam realizadas em quaisquer lugares e, dito de outra forma, cada uma delas deve ter seu espaço definido, a fim de que não interfira em outras aulas.

    Essa definição é importante, pois, certamente, havendo uma separação e uma limitação para cada modalidade, nenhuma delas irá interferir negativamente ou atrapalhar outra atividade. E, isso é de extrema importância, uma vez que, a interferência em si, pode ser algo irrelevante para você, mas, se analisarmos a fundo, uma interferência pode resultar em um acidente, em uma utilização de espaço impedindo que outras pessoas o usem de forma adequada ou ainda, em discussões desnecessárias.

    Se “cada macaco estiver em seu galho”, muitos problemas podem ser evitados. Mas, fica claro perceber que muitas vezes as pessoas consideram algumas atividades aparentemente pertinentes para serem realizadas dentro da sala de musculação, seja por pensarem que estas estão no arsenal dos exercícios da modalidade ou mesmo por acharem inofensiva sua prática em tal ambiente.

    Imagine, por exemplo, um indivíduo entrar em uma sala de Ioga com uma barra pesada de rosca direta e começar a fazer o exercício lá, gemendo pela força empregada… Ou ainda, imagine em uma sala de jump, alguém tentar realizar passadas afundo, no meio de todo mundo. São coisas que, simplesmente não se encaixam e, cada qual deve estar em seu devido espaço.

    Tudo tem seu espaço. Você entra em um fórum judicial, devidamente trajado e se portando adequadamente. Você vai a um encontro de negócios, devidamente vestido e, se portando de maneira fina, cortês e objetiva. Ainda, você trabalha em uma empresa dentro do seu setor (caso seja um funcionário fixo do mesmo), justamente, porque LÁ É O SEU LOCAL. Se tudo é assim, por que não ser assim também dentro das academias?

    Como mencionado, nem tudo é tão simples quanto parece e, temos de ter um cuidado muito vasto ao pensar na realização de algumas delas. Portanto, hoje conheceremos cinco dessas atividades as quais são praticadas na sala de musculação, mas, no entanto, jamais deveriam assim ser feitas e, desta forma, isso se tornará um alerta, caso você as pratique e, em contrapartida, caso não, para que possa reivindicar os seus direitos.

    1 – Pulos em caixotes

    Veja bem: Existem muitas metodologias, inclusive de levantamento básico de peso as quais mostram que a pilometria e outros movimentos dessa natureza podem contribuir para o aumento de força e, de fato podem. Entretanto, levemos em consideração que não é qualquer indivíduo que pode realizar esses exercícios e, o que mais vemos são pessoas que, além de não poderem realizar esses movimentos, ainda os fazem de maneira inadequada, tanto porque, não são devidamente instruídos e, quem geralmente passa esses exercícios não é qualificado o suficiente para tal, mas somente utiliza a onda e o puro modismo.

    crossfit-copia

    Além disso, consideremos que o ambiente usado por alguns atletas para tais realizações é bem isolado de tumultos e, normalmente próprio para tal. Sendo assim, é plausível colocar caixotes em sua volta, é possível treinar saltos etc. O espaço físico é limitante para que você possa colocar esse tipo de material na sala de musculação, tanto porque, a maioria das academias já tem aparelhagem o suficiente ocupando a sua volta, além dos horários superlotados, onde as próprias pessoas já ocupam os espaços físicos.

    Desta forma, exercícios em caixotes para saltos não são lá boas opções para serem praticados dentro da sala de musculação, sendo que também não são exercícios de musculação, propriamente ditos.

    2- Pular corda

    Se existe uma corda que realmente possa ser usada dentro da sala de musculação é a que tradicionalmente fazemos extensão de tríceps ou mesmo algum exercício de puxada. Mas, cordas para “pular”, simplesmente nunca deveriam ter entrado nas salas de musculação.

    Cupom de Desconto DDM

    Quantas e quantas vezes não vejo indivíduos pulando corda na sala de musculação e, quando estive responsável pelo espaço, sempre fiz questão de gentilmente solicitar que parassem imediatamente e fossem para outro lugar.

    Na realidade, não tenho absolutamente nada contra quem quer pular corda e, aliás, esse é um baita de um exercício (que inclusive, não sei fazer, definitivamente). Entretanto, como já disse “cada macaco no seu galho” e, pular corda na sala de musculação, NÃO é uma boa ideia!

    O primeiro argumento para isso é que, musculação NÃO É UM EXERCÍCIO DE IMPACTO, ou seja, o simples fato de você ficar pulando não quer dizer que você está realizando um “treino metabólico de musculação”, ou ainda, “combinando um exercício aeróbio com a musculação, anaeróbia”.

    pular-corda-copia

    O segundo argumento é pelo próprio fato de segurança de quem está ao lado do “pulador” ou mesmo do próprio, em questão. Imagine uma sala de musculação pequena onde existem pessoas treinando com pesos livres e, inclusive, exercícios perigosos como supinos, desenvolvimentos de ombros, elevações laterais e, claro, nosso querido agachamento livre… Agora, imagine que essa maldita corda decida desviar seu rumo e, portanto, se entrelace com alguém que está em um desses exercícios… Pronto! Tá feita besteira! A própria segurança do indivíduo que está pulando fica comprometida caso isso aconteça.

    Imaginemos outro argumento ainda que é a própria prevenção de quem está pulando. Tomar um baita tombo na sala de musculação, onde existem quinas ou mesmo coisas pesadas (pelo menos espera-se que tenha peso) que podem seriamente machucar quem caiu, também não seria uma boa ideia.

    Portanto, se você realmente deseja pular cordas (não costumo compactuar muito com esses circuitos malucos de hoje em dia) que o faça, mas, bem longe da sala de pesos.

    3 – Corridas em solo

    Outro grande problema são aqueles indivíduos que adoram intercalar algum tipo de corrida com os treinamentos anaeróbios. Quando isso é feito com o uso de uma esteira, ou mesmo da própria bicicleta, não há problema algum. Porém,  quando algum louco (me perdoe a expressão, mas, não existe termo melhor para descrever tamanha insanidade) decide sair correndo no meio da sala de musculação, a coisa consegue ficar complicada. Trombar com pessoas no meio da sala ou até mesmo tropeçar, cair e promover um acidente não seria interessante.

    corrida

    Portanto, nada de corridas em solo na sala de musculação. Se você quer correr, VÁ PARA A ESTEIRA, PARA A RUA OU PARA UMA PISTA DE ATLETISMO OU COOPER.

    4 – Lutas

    Quantas vezes presenciei aqueles personal trainers que usam lutas como exercícios aeróbios fazendo isso NO MEIO DA SALA DE MUSCULAÇÃO. Muito provavelmente se eu lutasse também e não somente eles eu iria dar-lhes uma lição (brincadeira! Sou contra qualquer tipo de violência). Porém, além daquele barulho irritante de chutes e socos e acolchoados e protetores de golpes, ainda contamos com a possibilidade de um chute ou outro golpe qualquer acidental em uma pessoa que está passando próximo ou mesmo de uma trombada, porque a movimentação em uma dessas aulas é muito intensa.

    salao-luta

    Além disso, o próprio barulho e os gemidos na hora do golpe podem assustar uma pessoa que está concentrada durante um exercício. Eu mesmo já quase cai durante um agachamento livre porque me deram um susto! Pode parecer piada, mas, isso é muito sério.

    Lutas devem ter ambientes próprios para a sua prática. Isso traz segurança aos praticantes e a quem estiver do lado também.

    5 – Brincadeiras infantis (exercícios infantis)

    Desde quando a sala de MUSCULAÇÃO virou parque de recreação? Primeiro que criança que não esteja devidamente instruída nesse ambiente de musculação JAMAIS DEVE ESTAR ALI, pois, o risco de acidente é eminente. Entretanto, não sei o que se passa na cabeça de recreadores que as levam para lá e começam a fazer suas brincadeiras, rodas etc.

    Sim, exercício físico (e mesmo a musculação) são muito saudáveis e indicados para crianças, mas, nos seus devidos ambientes.

    local-crianca-gincana

    Crianças, pelo mesmo motivo que todos os outros exercícios supracitados podem trazer riscos a quem está praticando musculação e para elas mesmas.

    Portanto, nada de gincanas e brincadeiras infantis NA SALA DE MUSCULAÇÃO. Que crianças possam sim estar ali, mas, PRATICANDO MUSCULAÇÃO e, claro, DA MANEIRA CORRETA E SEMPRE BEM INSTRUÍDAS.

    Conclusão

    Assim como uma sala de cirurgia não é uma sala de jogos, assim como uma sala de leitura não é uma sala de aulas de canto, a sala de musculação também não é para nada mais além da prática de MUSCULAÇÃO.

    Portanto, avalie sempre um exercício e, caso ele não seja específico de musculação, certamente dentro dessa sala, não será o ambiente para sua prática, logo, busque o ambiente adequado para ele (como mostramos nas imagens).

    Tenha sempre consciência e orientação correta!

    Bons treinos!



    /* */