• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Conheça 6 pontos psicológicos que podem afetar seus treinamentos de musculação

    Descubra algumas maneiras, as quais seu psicológico, pode estar te prejudicando na hora da execução do exercício físico

    A vida é feita de altos e baixos, onde existem momentos onde nos sentimos extremamente bem e outros, extremamente ruins e desconfortáveis. E isso, muitas vezes, até independe de fatores externos, pois, pode estar ocorrendo tudo bem, mas, mesmo assim não conseguimos nos sentir em paz por algum motivo e, claro, também pode estar ocorrendo tudo de errado, mas, conseguimos criar um estímulo para nos sentirmos bem.

    pontos psicológicos que podem afetar seus treinamentos de musculação

    Comprar suplemento ZMA da Xcore Nutrition

    Obviamente, isso reflete aos treinamentos, não só de musculação, mas, de quaisquer esportes. Não é por acaso que dizem que um bom atleta começa a treinar pela mente assim como, ela é a chave para que o equilíbrio não somente no seu corpo, mas, no seu TODO exista. Sem uma mente forte, não há como ter um corpo forte ou um desempenho forte.

    Independentemente de quais sejam as causas para isso, é importante que conheçamos alguns pontos os quais podem nos desagradar e, consequentemente prejudicar nosso treinamento de musculação. Assim, conhecendo-os conseguiremos adquirir e elaborar métodos para driblá-los sempre que possível. Vamos lá?

    1 – Você não se sente bem e não há motivos para isso

    Muitas vezes estamos nos sentindo frustrados conosco mesmo e, fundamentalmente, não adianta que todos estejam satisfeitos conosco ou tampouco que esteja dando tudo certo em nossa vida. Se não temos uma espécie de “aprovação própria”, nada adiantará.

    Dessa forma, quando vamos para o ginásio de musculação treinar, isso afeta diretamente nossa imagem e nosso treino. O resultado, claro, é um treinamento péssimo. Mas, o que fazer?

    Primeiramente, você precisa identificar a causa dessa baixa de humor. Seria algo relacionado a você? O que você pode fazer para mudar isso? Seria algo relacionado aos outros? Se sim, o que você pode fazer para modificá-los? Se a resposta para ambas as perguntas forem lógicas, vá e faça o que tem de ser feito. Porém, se não forem, simplesmente, ignore o que você não pode mudar. A pior coisa é se punir por algo que você é impossibilitado de fazer.

    Além disso, se você não está se sentindo bem no seu treinamento, talvez seja hora de reduzir o volume do treino. Treine com mais intensidade e muito menos volume. Isso poupará tempo, mas, acima de quaisquer outras coisas, o fará ter um foco naquele momento (onde você realmente tem de ter) e, não trazer possibilidades para possíveis distrações. Além disso, fazer coisas que você se sinta bem, relacionado ou não ao esporte, distrair sua mente com coisas bacanas também pode ser de grande ajuda.

    2 – Estagnação

    Muitas pessoas criam estagnações um tanto quanto ridículas em si. Elas são verdadeiras, mas, logicamente ridículas quando paramos para observar precisamente.

    Imagine que você consegue executar um supino reto com 100kg para 8 repetições. Você descansa o suficiente e realiza mais 8 repetições com a mesma carga. E repete esse processo mais uma vez. Porém, na quarta série você pretende erguer 105kg para as mesmas 8 repetições. O que são 5kg para quem está levantando 100kg? Praticamente nada, mas, existe o aspecto mental nisso tudo, que conta e… Conta muito…

    estagnacao de um fisiculturista

    Você monta a barra com os 105Kg e tenta executar. Porém, sua mente não deixa, apesar do SEU CORPO ESTAR PREPARADO PARA ISSO! Então, você se sente frustrado e, toda vez que tentar levantar novamente algum peso a mais do que os 100Kg, ficará com receio, por algo ilusório que você passou a criar.

    Toda vez que nos estagnamos, isso se deve a não somente um fator, mas, diversos outros. E é a combinação deles que tanto faz as pessoas não conseguirem evoluir mais um nível. Qual a diferença que faz levantar 100kg e 105kg? Na realidade, até faz fisicamente, mas, o maior fator é mesmo a mente. Quer um bom exemplo? Tente mesclar anilhas de uma forma a qual você não consiga identificar bem o peso que está usando. Com certeza, tentando superar cada série, você irá conseguir erguer mais peso e, em boa ou até melhor forma do que habitualmente em seus treinamentos.

    O fato é você sentir que é capaz de realizar um movimento e quebrar um mito. A partir do momento que aquilo se tornar uma limitação para você, não ocorrerão progressos.

    Cupom de Desconto DDM

    3 – Cansaço

    O cansaço não é somente físico, mas, psicológico também. Aliás, o cansaço psicológico é muito mais preocupante e, por hora, estafante do que o cansaço físico. Com o cansaço físico, ainda conseguimos fazer alguns dribles, usar alguns suplementos ou mesmo fazer algo que nos faça esquecê-lo. Mas, para que isso ocorra, devemos estar MOTIVADOS, o que, claro, pode não acontecer sempre. E é justamente aí o problema do cansaço mental.

    Ele nos trás uma sensação de estafa e, ao mesmo tempo, de obrigação. Prato cheio para o desânimo. Ele cria monstros em nossa mente, nos faz sentir-nos rebaixados e impossibilitados. E não adianta insistir! Você pode se entupir de cafeína ou outros ergogênicos e NADA fará você ter um bom rendimento.

    Nesse caso, o melhor e mais indicado mesmo é tirar um dia de descanso! Durma um pouco mais, esqueça problemas… Faça algo que relaxe ao mesmo tempo seu corpo e sua mente. E, não precisa ser necessariamente ficar tocado dentro de casa. O simples fato de sentar ao ar fresco, de rir com um amigo próximo ou de fazer um jantar especial para sua própria família já podem ser meios de alcançar um estado mental muito melhor e, certamente, no dia seguinte, seu dia e também seu treinamento estarão muito melhores.

    4 – O medo de perder resultados e a necessidade de descansar

    Muitas pessoas se sentem culpadas quando não vão treinar. Acham que irão engordar extremamente ou perder toda a massa muscular que ganharam com tanto sacrifício. Porém, apesar da musculação ser algo de consistência, ela não é tão extrema ao ponto de ter de fazer você treinar quando, definitivamente NÃO É HORA DE TREINAR!

    Há momentos em que o descanso é MUITO mais importante do que realizar um treinamento em más condições. Bons exemplos são em casos de doenças, extremo estresse físico e/ou mental, dores articulares, preocupações extremas as quais podem tirar o foco de seus treinamentos entre outros.

    cansaco de um fisiculturista

    Não adianta realizar um treinamento meia boca, pois, isso causará ainda mais danos oxidativos ao corpo, causará ainda mais estresse físico e mental e, consequentemente seus resultados aí sim estarão indo de água abaixo.

    Quando não treinar, tente ao menos manter o básico da dieta. Isso é importante para fornecer bons nutrientes ao corpo e, principalmente, elevar o seu sistema imunológico, que é muito comum estar deprimido nessas fases da vida ou fisiológicas que você esteja passando.

    5 – A vontade de ter resultados imediatos

    Sabemos que resultados são ótimos e todos nós queremos. Entretanto, não adianta buscarmos resultados rápidos, na maioria dos casos eles não passam de pequenas ilusões, que podem trazer não somente decepção, mas, principalmente, acarretar problemas de saúde ou físicos.

    Buscar resultados é importante, porém, você deve saber dar tempo ao tempo. Deve esperar para que haja tempo suficiente para tudo acontecer. Querer perder peso rápido demais, é sacrificar a massa muscular. Querer aumentar o peso de uma vez é ganhar excessos de gordura corpórea e depois, sacrificar o pouco de massa ganho para perdê-la. Querer condicionamento físico de uma vez e sair correndo quilômetros e quilômetros, pode causar excesso de oxidação no seu corpo, além de prejudicar seu metabolismo como um todo. Portanto, cada coisa em seu espaço. Tudo com esforço é conseguido, desde que com RESPONSABILIDADE, CALMA E CAUTELA!

    6 – Se achar menos do que os outros

    JAMAIS SE ACHE MENOS DO QUE QUALQUER OUTRA PESSOA! Você tem tanto valor quanto ela e se ela tem o físico um pouco melhor do que o seu, é porque treina a mais tempo ou está fazendo as coisas corretas e você não.

    Portrait Of A Physically Fit Young Man In A Healthy Club

    Todos nós temos sim pontos  fracos, mas, temos pontos fortes também. E é por isso que NINGUÉM É MELHOR DO QUE NINGUÉM! Todos temos igual importância e, você deve reconhecer o seu valor.

    Deve reconhecer ainda que tem muito a progredir e, para isso, tem de se esforçar ao máximo. Ninguém consegue bons resultados sem uma boa dose de esforço e dedicação. Mas, não é se menosprezando que você conseguirá resultados bons ou que alguém decidirá sentir pena de você. SAIBA QUE VOCÊ É CAPAZ DE ATINGIR O QUE DESEJAR, desde que faça por merecer!

    Conclusão:

    A mente controla o corpo e, muitos são os aspectos que podem guiar seus treinamentos para o lado bom ou para o lado mal. Portanto, saber lidar com esses aspectos mentais é fundamental, acima de tudo, ir conhecendo a si mesmo aos poucos, será essencial para progredir não só na musculação, mas, em quaisquer outros aspectos da vida!

    Bons treinos!

    Artigo escrito por Marcelo Sendon (@marcelosendon)



    /* */