• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Dia do lixo: Aprenda a importância dele para a dieta

    Entenda de uma vez por todas a importância do dia do lixo e porque você deve utilizá-lo em sua dieta. E pare de pensar que você é um marombeiro hardcore porque não o faz.

    Existem vários tópicos sobre o dia do lixo. Se você procurar no Google, vai achar diversas pessoas falando sobre isso. Alguns defendem, outros abominam, alguns não sabem do que se trata e há aqueles que ficam observando, de longe, sem opinar, mas torcendo pra que a discussão acabe em pizza. E se acabar em pizza seria ótimo, pois aí você poderá dizer que é o dia do lixo!!! Típico dia do lixo!!! Mas o que realmente o dia do lixo pode fazer por você? Ele é necessário? Dispensável?

    Olhando para o hamburguer no dia do lixo

    Comprar suplemento ZMA da Xcore Nutrition

    Comer se tornou algo banal nos dias de hoje. A população está gorda! Vá até o Shopping no final de semana e observe a praça de alimentação. Os mais gordinhos estão nos “piores” lugares que poderiam estar, na fila do Mc Donald´s, do Burger King, Habib´s, e se entupindo de comidas gordurosas. Fast-food é uma opção rápida pra quem tem a vida agitada das cidades grandes … rápida pra se tornar o novo gordo do pedaço! Mas comer é, acima de tudo, uma atividade prazerosa. Quem não se delicia ao sentar-se para almoçar, em pleno domingão, e contemplar uma bela lasanha entupida de diversos tipos de queijos? Quem não se sente bem ao adentrar o Shopping, no sábado, sentindo o cheiro de óleo velho e oxidado ao se aproximar da praça de alimentação? E aquele cheiro de comida “caseira” (como se fosse feita em casa) de alguns restaurantes típicos de alguns estados brasileiros? Comer, decididamente, é um prazer.

    Mas se você treina sério, compete, pretende competir ou se está engajado em um objetivo de mudar seu corpo por motivo estético ou saúde, sua alimentação deve estar de acordo com seu treinamento. Você, provavelmente, não come mais frituras, doces, enlatados e embutidos. Deixou de tomar refrigerante ou sucos em pó, só toma água, e sem gás ainda!

    Para muitos, a tentação começa logo no café da manhã: croissant de tomate-seco com muçarela (sim, essa é a forma certa de se escrever, pode procurar no Google), uma esfiha de carne na padoca e uma coca-cola. Tudo isso antes de subir no ônibus, indo pro trabalho, com a desculpa que não tem tempo pra preparar o café da manhã.

    “Mas, então, quer dizer que, agora que comecei a treinar sério, nunca mais poderei comer uma pizza, ir ao Outback e comer cebolas fritas com molho picante ou tomar um copo de fanta uva com pedrinhas de gelo?” Claro que vai, pimpolho, não se desespere!!! Leia esse artigo até o final.

    Arnold fazendo o dia do lixo dele

    Felizmente, existe uma artifício para burlar a tendência do nosso organismo para se acostumar mesmo a uma dieta rígida: é o famoso dia do lixo. E o que seria o dia do lixo? Significa tirar um dia para comermos tudo aquilo que temos vontade e esquecer um pouco a dieta, saboreando pratos que não incluímos em nossa alimentação diária. Nesse dia, temos o prazer de comer o que bem entendemos, vale tudo aqui, desde bolo de fubá com chocolate a sorvete de pistache.

    Vamos entender primeiro o que significa a palavra dieta. Dieta deriva do grego e significa estilo de vida. Não é regime! Quem faz regime são as tias e vizinhas gordinhas que nunca perdem peso, não deixam de comer seus doces, assaltam a geladeira de madrugada e sempre estão dizendo o quanto a vida foi cruel com elas por terem o aspecto de um balão ou uma botijão de gás, com a cintura deformada por anos e anos de auto-destruição. Então, diferentemente da crença popular, dieta não é uma fase em que você perde peso, dieta é um modo de viver. A dieta pode te deixar maior ou menor do que você está e não somente fazer você perder peso.

    Você pode seguir diversos tipos de dieta: Dieta Metabólica, Dieta Isométrica, Dieta do Guerreiro, Carb BackLoading, Paleo, etc. Cada uma com sua filosofia e estilo de vida. Não existe dieta melhor que a outra, cada organismo é único e vai responder de acordo com as características individuais de cada um. Só não vá seguir a dieta da sopa, da Lua, da Disneylândia e essas baboseiras sem fundamento que aparecem nos programas de TV. Já vi, uma vez, até a dieta do alfabeto, onde você tira um dia pra comer tudo que se inicia com a letra A, no outro com a letra B e assim sucessivamente. Sem cabimento, né? Imagina o dia da letra J!!!

    Cupom de Desconto DDM

    Então fica a pergunta: Porque devemos tirar um dia da semana pra comer o que bem quisermos? Simples! Pra tapear o organismo, ingerindo calorias a mais (esse truque se torna ainda mais eficiente se estivermos fazendo uma dieta pra perda de peso), pois as calorias a mais, irão acelerar o metabolismo. Com o metabolismo acelerado, no dia seguinte ao dia do lixo, nosso organismo irá consumir/utilizar mais calorias com uma oferta de nutrientes menor.

    O resultado disso: mais gordura será utilizada nos dias que seguem o dia da comilança. Você ficará mais seco e mais definido, mesmo comendo mais no dia anterior. Não é sensacional?

    Outro ponto que causa bastante polêmica: no dia do lixo, mesmo inconscientemente, não consumimos muita proteína e acabamos oferecendo mais carboidratos e gorduras. Está errado? Não. Esse processo faz com que as enzimas que digerem as proteínas “desacelerem”, criando um processo de supercompensação tão logo a demanda desse nutriente aumente. E ficando sem ingerir proteína não vai gerar o tão temido catabolismo muscular? Não, não vai. E por que? Por que os aminoácidos armazenados no fígado e na corrente sanguínea, que você metodicamente ingeriu durante os dias de dieta rígida, serão suficientes para promover a manutenção proteica nesse período de pouca oferta. Algumas raras vezes, nem me preocupo com a quantidade de proteína nesse dia, prendo-me mais em saciar meu paladar (na verdade, a gula e a vontade de sair da dieta). Jogo a quantidade de carboidratos lá pra cima e como sem me preocupar em contar calorias.

    Veja a diferença típica de um dia de dieta e um dia do lixo daquele que vos escreve.

    Dieta rígida de quarta-feira (almoço)

    • 200g de arroz;
    • 4 talos de brócolis;
    • 500g de filé de peito de frango;
    • Água.

    Dia do lixo, no sábado (almoço)

    • Feijoada, com arroz, farofa, torresmo, bacon, couve;
    • Coca-cola;
    • 1 litro de sorvete de flocos.

    Percebeu que a preocupação nesse dia é zero? Volto a repetir: você vai comer mais (teoricamente, alimentos considerados proibidos em uma dieta comum) e ainda assim vai emagrecer nos próximos dias, quando voltar á dieta normal. Chega a ser mágico, né?

    Percebo isso logo na segunda-feira de manhã, acordo pra tomar banho e escovar os dentes e quando estou em frente ao espelho, costumo olhar a linha do abdômen. Surpreendentemente está menor, mais enxuta e a vontade de voltar pra dieta, motivado pela cintura mais fina, completa o dia.

    E devo treinar no dia do lixo? Minha sugestão é que não treine. Concilie o dia do lixo com o dia de folga da academia, geralmente no domingo. Tire o dia pra descansar, sair com a família, com a namorada e deixe a academia pra segunda, quando você vai voltar com força total.

    importancia-dia-do-lixo

    Alguns encaram o dia do lixo como um pecado, algo que irá atrapalhar sua vida, sua dieta, seu treino. Na verdade, o dia do lixo é muito mais que isso. É um artifício comprovado da eficiência do choque de calorias. Não fique com receio de utilizar essa prática em benefício próprio. Eu mesmo fiquei receoso em fazê-lo, há 15 anos atrás, não queria estragar o “sacrifício” que estava fazendo e me sentindo tão bem. Algo me dizia que aquilo iria contra a filosofia do marombeiro. Estava redondamente enganado. Quando os resultados estacionaram, foi no dia do lixo que encontrei a solução para voltar a perder gordura e continuar a batalha. O dia do lixo é seu amigo e não o seu inimigo. Tenha isso em mente e continue com ganhos, deixando o tão temido platô bem longe da sua vida.

    Pessoas que se vangloriam de não fazer o dia do lixo estão muito equivocadas nutricionalmente falando. E sempre gostam de enaltecer seu equívoco em fóruns ou sites de musculação.

    Nota: Acho esse nome “dia do lixo” totalmente impróprio mas é como ficou conhecido. Talvez “dia da fartura” ou “dia do pode-tudo” fossem menos amedrontadores. A palavra lixo está associada a coisa ruim, fedida, pobre e não soa bem para quem treina. Mas, enfim, é assim que foi popularizado. 

    Stay strong !

    Betão

    3 Comentários

    1. Eugenio 5 meses atrás
    2. Lafayette W. 5 meses atrás
    3. Perônio Venceslaw 5 meses atrás


    /* */