• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Exercícios básicos da musculação: incluí-los ao treino ou não?

    Os três exercícios básicos da musculação são conhecidos como os "pais de todos os exercícios", mas será que devemos sempre incluí-los em nosso treinamento ou isso não passa de apenas um mito?

    Supino reto com barra, agachamento livre e levantamento terra, três exercícios da musculação conhecidos como os exercícios básicos, ou os “três básicos da musculação”, os quais possibilitam trabalhos extraordinários no corpo como um todo. E não é atoa que eles são tratados como os exercícios básico da musculação. Estes são exercícios compostos que conseguem trabalhar nosso corpo quase por completo em sua execução, ou seja, estes exercícios básicos trabalham quase todos os músculos do corpo ao mesmo tempo.

    Exercício básico da musculação: Levantamento Terra

    Comprar Suplemento de Cafeína Pura

    Entretanto, apesar de ótimos exercícios, eles podem ser interpretados como “exercícios perigosos” por pessoas que não estão acostumadas, não entendem a sua execução correta ou simplesmente porque são realmente perigosos. Por isso, a cada dia que passa estes exercícios são menos executados nas academias. Mas afinal, devemos ou não utilizar esses exercícios na musculação? Seriam eles prejudiciais em algo? Seriam eles indispensáveis? Ou, na verdade tudo isso não passa de uma grande bobagem de discurso alheio?

    Pois bem, se eu te contar que muitos fisiculturistas simplesmente aboliram e estimulam a abolição desses exercícios de suas rotinas, você irá ficar espantado. Mas, por incrível que pareça, existem relatos de profissionais os quais estão FUGINDO do agachamento livre como ninguém! Isso se deve ao fato de considerarem o exercício extremamente propício a gerar algum tipo de lesão ou até mesmo propício a gerar algum tipo de acidente. E, como todos sabemos, a vida de atleta já é relativamente curta e cada vez que ele se lesiona, tempo é perdido e sua carreira começa a ser comprometida também.

    Outros fisiculturistas, como Dorian Yates, não incluíam o agachamento livre em sua rotina pela justificativa de que o exercício poderia causar algum tipo de alargamento dos quadris e da cintura e, para atletas com aquela estrutura corpórea, aquilo não seria legal. Fato esse que não foi comprovado até hoje, mas, indiscutivelmente, Dorian Yates é uma pessoa a se parar para ouvir em termos relacionados ao bodybuilding.

    Conheço também, atletas que não costumam executar o levantamento terra, em especial o realizado da forma powerlifting, na sua rotina de treinamentos por conta de possíveis lesões que podem acontecer.

    Exercício básico da musculação: Agachamento Livre

    Por outro lado ainda, existem aquelas pessoas que praticamente fazem a musculação não existir se o treino não tiver a presença desses três exercícios básicos. Mas, muitos deles também merecem todo nosso respeito, como Branch Warren, Jhonnie Jackson e Ronnie Coleman. Esses atletas, por suas características iniciais de treinamentos básicos (muitos deles iniciaram-se não no bodybuilding, mas no powerlifting), consideram esses exercícios indispensáveis para a construção corpórea, especialmente para os indivíduos que iniciaram seus treinamentos a pouco tempo.

    Cupom de Desconto DDM

    Ainda, em terceiro lugar, podemos apresentar indivíduos parcialmente divididos, os quais, na verdade, considero a opinião um tanto quanto mais sensata. Isso porque, em contrabalanço aos dois anteriores grupos, esse terceiro procura traçar algumas diretrizes que podem ou não ser consideradas certas, mas que, individualmente geram bons resultados a esses.

    Realmente bastante impactantes, esses exercícios influenciam diretamente em aspectos relacionados à hipertrofia muscular do corpo como um todo, aos controles neuromusculares, às funções biomecânicas e JAMAIS podemos nos esquecer de citar também as influências hormonais que normalmente esses exercícios de “alto feeling” promovem no corpo.

    Algumas pessoas costumam pregar que os exercícios básicos devem ser realizados quando os níveis energéticos do corpo estiverem elevados, pois estes exercícios exigem ao máximo o recrutamento psicológico e físico do ser humano. Entretanto outras pessoas simplesmente acreditam nas periodizações e no impacto positivo e/ou negativo desses exercícios frente a uma correta ou má realização dos mesmos.

    Não é incomum que estes atletas também visem os diferentes estímulos que o corpo pode ter com diferentes exercícios, incluindo a retirada não permanente, mas provisória desses exercícios de sua rotina. Obviamente, concordo ainda com esse grupo, pois acredito que o corpo passe a não evoluir mais com os mesmos exercícios, mesmo que a progressão de carga ocorra. Precisamos sempre periodizar, para não estagnarmos.

    O praticante de musculação deve sempre estar atento ao evoluir de seu corpo, uma vez que, como dito, o corpo requer cada vez mais intensidade no treinamento para continuar uma resposta progressiva. Desta forma, pode tornar-se um tanto quanto perigosa a realização de alguns desses básicos com extrema carga, principalmente se não houverem pessoas as quais possam o auxiliar em alguma eventual emergência.

    De maneira clara, a não ser que haja alguma restrição ortopédica e/ou médica para determinado indivíduo, impossibilitando-o de incluir os básicos no seu treinamento, não vejo problemas em periodizar utilizando-os como lhe for de melhor conveniência. Deixe de lado a ideia de que esses exercícios são mais prejudiciais do que benéficos e também deixe de lado a ideia de que sem eles o seu treino ficará sem sentido. Use a cabeça e entenda qual o melhor período para usá-los e qual melhor período para retirá-los do treino.

    É importantíssimo traçar princípios os quais possam individualmente projetar suas características de treinamento. Isso certamente influenciará nos resultados sólidos.

    Exercício básico da musculação: Supino Reto

    Conclusão:

    Conclusivamente, podemos crer que os três básicos são exercícios os quais incrementam força, potência, concentração, aspectos neuromusculares, fortalecimentos e inúmeros outros benefícios para o praticante de musculação. Entretanto, apesar desses benéficos fatores, faz-se fundamental que o mesmo passe a exercer algumas diretrizes que o possibilite escolher os momentos certos para realizar determinados exercícios, fazendo escolhas sábias, desde a do exercício, ao treino em que é inserido, a posição de exercícios (ordem), a forma de execução, a carga a ser utilizada e os aspectos que ele busca na realização daquele exercício, o que é o mais importante antes de simplesmente “realizá-lo”.

    Lembrem-se que a musculação é algo muito individual e deve estar de acordo com as suas necessidades. Portanto, de maneira empírica, comece a fazer pequenos testes e veja as respostas as quais o seu corpo poderá te proporcionar.

    Isso será precioso em níveis avançados.

    Bons treinos!

    Artigo escrito por Marcelo Sendon(@marcelosendon)

    Um Comentário

    1. Thiago Vieira 3 anos atrás


    /* */