• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Conheça 05 motivos para você incluir o óleo de peixe em sua dieta AGORA!

    Descubra neste artigo 05 razões para você começar a suplementar com o óleo de peixe (ômega-3) e passa a ter mais resultados, mais saúde e muito mais vida e beleza!

    Nos primórdios da humanidade, as primeiras nações ou civilizações tinham uma saúde muito melhor do que a população atual tem. De uma forma geral, os índices de doenças eram menores, os índices de desequilíbrios osteomusculares eram menores e assim por diante.

    A qualidade de vida, apesar da menor gama de recursos, era muito superior as quais temos nos dias de hoje e, se fosse possível traçar uma expectativa de vida entre as sociedades primitivas e as de hoje em dia, veríamos a diferença.

    Todavia, isso não deve-se ao acaso: Em primeiro lugar, os níveis de atividade física eram muito superiores aos atuais. As pessoas tinham de caçar para comer, tinham de se locomover a pé e antes da existência da agricultura, eram nômades, ou seja, estavam o tempo todo em perambulação. Porém, mais do que tudo, a alimentação tinha uma qualidade muito melhor.

    Observe que, por exemplo, os alimentos não tinham agrotóxicos, os alimentos eram totalmente naturais e, o altíssimo consumo de peixe (pela disponibilidade presente nos rios), permitia uma excelente ingestão de ômega-3, ácido graxo essencial (que não é produzido pelo corpo e necessita ser consumido pela dieta) de extrema importância para o corpo, pois além de participar de inúmeros processos químicos, ainda é constituinte de estruturas, promove eventos metabólicos específicos entre outros aspectos.

    Nos dias atuais, vemos um quadro totalmente diferente: Além do baixo nível de atividades físicas, cada vez mais as pessoas utilizam alimentos de baixa qualidade, industrializados e com poucos componentes naturais.

    Ainda, as culturas se modificaram e a ocidental (onde nós moramos) tem um baixíssimo consumo de alimentos fontes de ômega-3, especialmente o peixe que é sua melhor e mais biodisponível fonte. Isso faz com que inúmeros prejuízos possam ser observados, aniquilando a saúde como um todo.

    Sendo assim, a preocupação com a alimentação tornou-se extremamente grande (além de frequente) e, faz-se necessário, entre vários pontos a serem observados, atentar-se ao consumo de ômega-3, especialmente através de alguns suplementos os quais podem conferir certa praticidade e também custo X benefício.

    E devido a importância deste ácido graxo, resolvi escrever um artigo onde mostrarei 05 razões pelas quais você deve consumir óleo de peixe em sua dieta. E a partir deste artigo espero que você possa ter entendimento e consciência para inseri-lo adequadamente e obter resultados cada vez melhores.

    O que é o ômega-3?

    Os ácidos graxos, entre outras classificações, podem ser definidos como essenciais e como não essenciais. Os essenciais, são aqueles que o corpo não é capaz de sintetizar e, os não essenciais aqueles que o corpo pode sintetizar.

    Sendo assim, os essenciais, necessitamos consumir da dieta, para que fiquem disponíveis ao metabolismo. Ambos os ácidos graxos mencionados são de cadeia longa, especialmente os essenciais, que possuem denominações de “Ômega”.

    Entre eles, podemos citar o ômega-3, o ômega-6 e o ômega-9, todos da mesma família. Apesar da similaridade, eles possuem efeitos diferentes no corpo, sendo que entre eles deve haver um equilíbrio.

    APRENDA MAIS SOBRE A IMPORTÂNCIA DOS 3 ÔMEGAS: http://dicasdemusculacao.org/omega-3-6-9-qual-melhor-opcao/

    Razão 1: O coração é o principal músculo do seu corpo

    Nos preocupamos com o tamanho de nossos bíceps, de nossos tríceps, de nossos quadríceps e assim por diante… Isso é bom e pode acontecer tranquilamente. Mas, não podemos esquecer que se há um músculo vital no corpo, este é o coração. E, sendo assim, essencialmente você tem  de cuidar dele e preveni-lo de danos possíveis.

    Hoje, as doenças cardiovasculares são o principal motivo de mortalidade pela população mundial.  Nos Estados Unidos da América, desde 1921 essa é a principal causa de mortalidade, por exemplo.

    O consumo regular de ômega-3 tem se mostrado eficiente na medida em que pode prevenir e/ou atenuar doenças dessa natureza.

    Seu caráter anti-inflamatório, ajuda a prevenir o acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos, seu enrijecimento, auxilia a reduzir os níveis de pressão arterial, sobrecarregando menos o coração, auxilia na redução dos níveis de lipídios sanguíneos (incluindo o colesterol) e de algumas lipoproteínas como o LDL, além de elevar outras como o HDL.

    Whey Protein Concentrado

    Termogênico Lipo

    Porém, não adianta consumir ômega-3 e não se importar com aspectos de seu dia-a-dia. Fique sempre atento (a)!

    Razão 2: Melhora da recuperação do treinamento físico

    Não estamos apenas em atividade física quando estamos praticando atividades físicas. Metabolicamente, as respostas demoram mais para acontecer, incluindo os mecanismos inflamatórios do corpo.

    Por exemplo: Quando você ergue um peso, algumas micro rupturas ocorrem no tecido muscular e isso desencadeia um processo inflamatório.

    A depender do caso, os processos inflamatórios ocorrem 24, 48 ou 72h após aquele dano e todo esse período é necessário para recuperação e para que os processos de adaptação possam ocorrer.

    Atenuar esses processos inflamatórios possibilita uma melhor e mais rápida recuperação dos músculos, favorecendo ainda mais os resultados, visto que é no descanso e não no treino que efetivamente conseguimos nossos resultados.

    Por estimular mecanismos anti-inflamatórios, é conveniente o uso do ômega-3. Ele permite com que precursores anti-inflamatórios hajam ao invés dos inflamatórios. Mostra-se eficaz o consumo de cerca de 1600mg de EPA (um derivado do ômega-3) como eficiente para finalidades ergogênicas.

    Razão 3: Perda de peso

    Tenho certeza que se você não está querendo perder peso atualmente, já pensou em perder ou até mesmo um dia pensará. Isso porque, entre os problemas mais comuns observados na sociedade está o sobrepeso e a obesidade.

    O ômega-3 auxilia em processos os quais estimulam a lipólise, ou seja, a quebra da gordura armazenada para que ela possa ser utilizada pelas células como forma de energia.

    Obviamente, sabemos que a obesidade não é algo que interfere apenas em fatores estéticos, mas também nos funcionais e relacionados à saúde, fazendo com que doenças crônicas, sistêmicas e metabólicas possam ocorrer.

    Portanto, ter níveis saudáveis de gordura corpórea será essencial para garantir uma boa saúde e uma melhor qualidade de vida.

    Razão 4: Seu cérebro necessita de ômega-3 (óleo de peixe)

    Estudos foram realizados no passado e foi observado que crianças orientais tinham maiores aspectos cognitivos do que as ocidentais (sabe aquela velha história que japonês é sempre inteligente?).

    E isso deixou os cientistas curiosos. Posteriormente, começaram a observar o que poderia ser diferente. E observaram que, desde a fase de lactação, pelo leite da mãe, esses bebês tinham um maior consumo de ômega-3.

    O ômega-3, quando metabolizado no corpo, entre outros ácidos graxos, gera um conhecido como DHA. E o DHA é um dos constituinte da membrana cerebral.

    Ele é responsável por auxiliar em processos relacionados à cognição, ao tempo de reação, tomada de decisão, entre outros. Tudo isso, melhorando a velocidade e os processos de correntes a estes.

    E podemos admitir que não somente crianças se beneficiam com o ômega-3 em aspectos de cognição, mas os adultos também, quebrando aquele mito de que adultos não conseguem mais desenvolver determinadas capacidades e/ou áreas cerebrais.

    Razão 5: Aumento na disponibilidade de glicogênio

    Sabemos que, para que os músculos tenham um bom funcionamento, eles necessitam de uma boa reserva energética, e essa é advinda do glicogênio.

    O glicogênio, todavia, precisa ser sintetizado e armazenado através de compostos os quais advém dos carboidratos, mas também pode advir de outras fontes como os lipídios ou, em alguns casos, as próprias proteínas.

    Estudos mostram que cerca de três semanas de suplementação com ômega-3 já são suficientes para demonstrar significativo aumento no glicogênio muscular e, mais do que isso, serão suficientes para melhorar o uso desse glicogênio.

    Além disso, não podemos nos esquecer de que, como já mencionado, o ômega-3 tem a capacidade de ser um nutriente anti-inflamatório, fazendo assim com que os músculos tenham melhor recuperação e maior captação de glicose para sintetizar glicogênio.

    Conclusão:

    Hoje, conhecemos um dos suplementos os quais podem ser considerados não opcionais, mas indispensáveis em sua dieta.

    Todavia, muitas pessoas desconhecem essa importância por também desconhecerem os principais benefícios do óleo de peixe.

    Portanto, o esclarecimento é fundamental para que elas possam aderir a esse uso e, portanto, obter melhores resultados não somente estéticos, mas, relacionados à saúde também.

    Bons treinos!

    Um Comentário

    1. Marcelo Brunelli 2 meses atrás


    /* */