• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Musculação, suplementação e dieta na adolescência – Pt4

    Se você tem dúvidas quanto a musculação na adolescência, leia este artigo e saiba tudo sobre musculação, suplementação e dieta na infância/adolescência – Pt4

    Comprar Whey Protein Feminino

    Este é um guia completo sobre musculação, suplementação e dieta para crianças e/ou adolescentes! Por ser um guia tão completo sobre o assunto o mesmo se tornou algo imenso para a leitura de uma só vez, por isso optamos por dividir em algumas partes o artigo!

    Portanto continue lendo a quarta parte deste completo guia para adolescentes e crianças!

    Mas devemos lembrar, meus caros, que a atividade física não é o único tópico para abordarmos quando o assunto é crescimento. Devemos conhecer outros milhares de fatores que estão inclusos nesse pacote, dentre os quais podemos citar:

    [ad#2]- Fatores genéticos constitucionais: Quando há a combinação dos gametas e consequentemente a combinação dos cromossomos “n” na fecundação, então mistura-se material genético e esse material genético resultará nas características fisiobiológicas do indivíduo através dos genes dominantes e recessivos. Basicamente, um indivíduo que possui pais negros, tenderá a ser negro pela maior quantidade de melanina programada pelo DNA resultante para produção da proteína. Se os pais são respectivamente brancos e negros, a tendência é que haja uma mistura desse material. E o mesmo acontece em quase todas as características do indivíduo. E, obviamente, com a estatura não seria nem um pouco diferente. Indivíduos com pais baixos ou altos, tenderão a ser resultado da combinação genética. Por isso, não espere ser alto se seus pais não passam de 1,70m de altura, por exemplo.

    – Fatores hormonais: Além de tudo que foi citado, ainda devemos ressaltar o fenótipo do indivíduo que pode alterar algumas de suas funções naturalmente programadas.

    – Fatores sócio-econômicos: Que resultam em condições alimentares, de saneamento básico (prevenindo ou não doenças, por exemplo), trabalho prejudicial e sobrecarga e quaisquer fatores que interfiram externamente no desenvolvimento da criança ou adolescente.

    Cupom de Desconto DDM

    – Fatores climáticos: Aqui a explicação poderia ser longa, mas podemos citar exemplos como o gasto de energia no frio, a tendência a acúmulo de gordura por necessidade de proteção do frio ou a ausência de nutrientes/alimentação adequada por condições climáticas que interferem, por exemplo, em plantações etc.

    – Fatores bioquímicos-farmacológicos: Alguns medicamentos podem interferir para o crescimento ou não do indivíduo, por isso é necessário muito cuidado na prescrição medicamentosa nesta fase.

    – Fatores nutricionais: Os fatores nutricionais estão por último e não estão por acaso. Talvez esse seja o fator principal para o crescimento e desenvolvimento saudável de uma criança, púbere ou adolescente. É aqui que entra o principal fator que determinará um crescimento adequado e explorando todo o potencial genético do indivíduo ou não isto é, aqui teremos aquele código do DNA sendo colocado em prática em seu total ou não. Mas, o que define o estado nutricional de uma criança ou adolescente e, será que realmente o esporte pode influenciar nisso?

    Primeiramente, o estado nutricional adequado é o equilíbrio da ingestão de nutrientes segundo as recomendações gerais contrapostos as necessidades individuais do ser em questão. A nutrição por sua vez é algo que deve ser presente e constantemente avaliado em nossas vidas, mas, muitas vezes o que parece é que não é dada a devida importância a esse fator de EXTREMA VALIA. Se ele ou ela for um (uma) praticante de esporte, a ingestão calórica e a utilização da nutrição devem ser vistos com mais atenção ainda visto que a fase de crescimento é talvez a fase onde há maior gasto energético, sendo necessário maior ingestão calórica para contrabalancear e ainda, contamos com o fator da prática esportiva.

    Leia também as outras partes deste artigo:

    Musculação, suplementação e dieta na adolescência – Pt 1

    Musculação, suplementação e dieta na adolescência – Pt 2

    Musculação, suplementação e dieta na adolescência – Pt 3

    Artigo escrito por Marcelo Sendon!



    /* */