• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Powerbodybuilding: Ganhe força no supino

    Saiba já como executar um tipo de treino que pode lhe ajudar a aumentar sua força no supino e em outros exercícios

    Comprar Suplemento de Cafeína Pura

    Como todos sabemos, hoje, o melhor método para construção de massa muscular, em questão de treinamentos, é a combinação de altas cargas e maior estresse nas fibras musculares. Sempre, claro, com amplitude correta, afim de não comprometer articulações, tendões e ligamentos.

    O bom treino, eu costumo dizer que é aquele sinergicamente organizado e ao mesmo tempo que exija o máximo do indivíduo. Porém, ter simplesmente um treino com uma boa distribuição e uma boa amplitude não significa trabalhar em condições máximas. E é aí que entra a combinação entre força, técnica, periodizações e outros.

    [ad#2]Grandes atletas di fisiculturismo na verdade iniciaram sua carreira não construindo corpos esculturais, mas construindo corpos em cima de força bruta. Aliás, alguns destes continuam mantendo seus períodos de offseason dedicados ao powerlifiting, que volto a insistir hoje, tem os melhores sistemas de periodizações que conheço (e quem duvida, que comece a ver um pouco sobre o Elite FTS, por exemplo!). Entre eles, podemos citar com pouco conhecido Ronnie Coleman e, mais atualmente Jonnie Jackson e Branch Warren que, apesar de não seguir o powerlifiting propriamente dito, possui grande influência do mesmo em seus treinamentos intensos e explosivos.

    Cupom de Desconto DDM

    Saber combinar um treino de força e periodizações para aumentar a força dentro do bodybuilding é dar chance para o corpo não entrar em adptações neuromusculares, além de possibilitar o aumento de força e consequentemente cargas mais pesadas para melhor desenvolvimento muscular. Mas, como fazer isso de uma maneira simples?

    Vamos seguir uma pequena periodização de treino de força utilizando o supino reto como exemplo, mas, lembrando que isso pode ser feito em todos os outros exercícios, levando em consideração um volume mais baixo no número deles e, claro, no número de séries.

    Antes de iniciarmos, vamos estabelecer que 1RM é a carga máxima necessária que lhe permita realizar apenas uma repetição em dado exercício. Isto pode ser estabelecido de diversas formas, mas a mais comum é realizando duas séries de aquecimento com 12 e 10 repetições seguidas de 1 minuto de descanso entre elas, e uma última série de 1 RM após 3 minutos das séries anteriores.

    Semana 1:

    Supino reto com barra 1X15 (leve) – Aquecimento
    Supino reto com barra 2X10 – 2X8
    Respectivamente cargas de RM = 75% – 80%

    Semana 2:

    Supino reto com barra 1X15 (leve) – Aquecimento
    Supino reto com barra 1X8 – 3X6
    Respectivamente cargas de RM = 75% – 80%

    Semana 3:

    Supino reto com barra 1X15 (leve) – Aquecimento
    Supino reto com barra 1X8 1X6 1X4 1X2 1X2
    Respectivamente cargas de RM = 75% – 80% – 85% – 90% – 95%

    • O descanso considerado ideal é de 2 a 5 minutos nas cargas mais pesadas.

    Deve-se também levar em consideração que cerca de 2 exercícios por grupamento grande adicionados, se preferir de um auxiliar, normalmente funcional (com elásticos e outros equipamentos) e um por grupamento pequeno já são suficientes.

    Artigo escrito por Marcelo Sendon



    /* */