• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Os principais erros cometidos por iniciantes nas academias de musculação

    Conheça quais são os erros mais comuns entre os iniciantes de musculação e evite-os para que você possa começar a musculação com o pé direito.

    Quando entramos em uma academia buscando melhorar nosso corpo, nossa saúde ou mesmo espairecer a mente, recebemos algumas instruções do “professor”, mas diante de nossos próprios pareceres do que achamos certo, muitas vezes passamos a fazer o que bem entendemos, assim cometemos erros os quais podem gerar desde consequências leves ou até mesmo consequências gravíssimas e irreversíveis.

    erros-cometidos-por-iniciantes

    Comprar suplemento ZMA da Xcore Nutrition

    É simples pensar que só aprendemos quando “batemos a cabeça”. Assim como os pais ensinam uma criança o que deve/pode ou não ser feito e, ela normalmente faz o contrário para conhecer os dois lados, nós também (quando já adultos) fazemos isso no cenário da academia. Porém, diferente de “brincadeiras de criança”, quando somos adultos, as chances que temos de errar são bem menores e isso faz com que vivamos em uma pressão de acertar sempre e obter os melhores resultados.

    Pensando nisso, a fim não só de alertar você que é iniciante ou que pretende começar na musculação, mas lembrar que até mesmo indivíduos que estão há mais tempo na academia costumam fazer de errado, neste artigo comentaremos alguns itens os quais podem ser considerado “clássicos” e que poderiam ser evitados, aumentando suas chances de desenvolvimento e prevenindo possíveis danos.

    1- Fazer as coisas por fazer

    Muitas pessoas entram na academia por questões não somente estéticas, mas de saúde, para melhorar sua qualidade de vida, entre outros itens. Entretanto, nem sempre entram por vontade própria e, mesmo quando entram, muitos tem uma repugnância pela musculação e acreditam que será simplesmente fazer por fazer e pronto, que terá resultados.

    Entretanto, consideremos que a musculação é um esporte adaptativo, ou seja, temos de considerar que dia-a-dia ela deve receber um estímulo mais intenso para continuar gerando adaptações no corpo e gerar resultados solidificados.

    Porém, se você tem essa propensão de não gostar da musculação e faz por fazer, sem o devido afinco, certamente você passará a não ter resultados e achará tudo aquilo em vão e não gostará ainda mais desse esporte.

    sem-animo-na-academia

    Obviamente, ninguém é obrigado a gostar de musculação (gostando as coisas ficam melhores), mas você necessita ter comprometimento para essa prática. Nada adiantará fazer por fazer, pois isso será ainda pior: Você estressará sua mente e não irá gerar resultados. Ainda, você poderá se prejudicar, pois musculação requer concentração e se você não está devidamente concentrado no que está fazendo, certamente poderá ter problemas.

    Muitos atletas, por exemplo, odeiam fazer exercícios aeróbios, mas quando necessário, fazem, pois sabem que aquilo terá sua importância. Assim, fazem não por fazer, mas sabendo que por trás do “sofrimento” haverá uma glória maior.

    Se você realmente quer resultados na musculação, comece a pensar em fazê-la com o máximo de si… Encontre alguma motivação ou alguma coisa que te faça querer seguir em frente de maneira cada vez mais intensa. Faça por si mesmo e dedique-se sempre!

    2- Achar que é necessário muito tempo na academia

    A nossa mente é muito propensa a acreditar que quanto mais, melhor… Sempre pecamos pelo excesso, se formos bem perceber: corremos demais na vida, comemos demais, dormimos demais, nos preocupamos demais e etc.

    Entretanto, é óbvio que isso não pode e nem deve ser aplicado a tudo, entre essas coisas, na musculação.

    A musculação é uma prática a qual requer sim momentos de intensidade total e máxima dedicação. Entretanto, não confunda isso com ficar tempo demais praticando musculação.

    Muitas pessoas acreditam que para ter bons resultados na musculação é necessário passar horas e horas treinando. Entretanto, isso foge ao inverso do que gera resultados na musculação: sabe-se que sua prática prolongada pode trazer prejuízos os quais variam desde simples overeachings até o próprio overtraining. Esses aspectos envolvem a perda de massa muscular, dificuldade na queima de gordura corpórea, lesões, entre outros.

    Talvez, muitas pessoas refutem a prática da musculação justamente por essa crença de que é necessário ficar horas e horas lá praticando a modalidade e com isso desanimam em pensar de perder 2h ou 3h de seu dia.

    Se você realmente quer resultados sólidos, 40-60 minutos de prática intensa de 3-5X por semana são mais do que suficientes. Porém, não adianta passar 40 minutos na academia batendo papo, correto?

    3- Achar que por praticar musculação pode comer tudo sem regras

    comer-desgovernadamente

    Muitas pessoas confundem praticar musculação e se alimentar bem,  com comer feito um porco. Assim como muitas mulheres grávidas “comem por dois”,  o que já é um erro, muitas pessoas querem comer feito um mutante quando começam a praticar musculação. E é óbvio que isso não é interessante, visto que se estamos com uma alimentação excessiva, praticando ou não esportes, com certeza teremos prejuízos, estéticos e de saúde.

    A prática da musculação requer sim uma maior alimentação, principalmente se o seu objetivo for o ganho de massa muscular. Porém, esses alimentos a mais devem vir em quantidades corretas e de boas fontes. Não adianta absolutamente nada você fazer um treino, por mais intenso que seja ele, e se alimentar errado. A MUSCULAÇÃO NÃO DEVE COMPENSAR UMA MÁ ALIMENTAÇÃO. A boa alimentação e a pratica de exercícios físicos devem ser sinérgicos!

    Portanto, equilibre sua alimentação, promova nutrientes sólidos e saudáveis ao corpo e você verá como seus resultados, sua performance e mesmo sua qualidade de vida aumentarão substancialmente.

    Cupom de Desconto DDM

    4- Querer utilizar cargas inadequadas

    Quando pensamos na musculação, temos de ter em mente que o equilíbrio e o ajuste das coisas é que realmente farão com que tenhamos bons ganhos.

    Muitas pessoas quando entram nas academias para praticar musculação, entendem o uso de cargas de maneira totalmente errada. Por exemplo: Muitas usam cargas elevadas demais, as quais as fazem trabalhar o exercício de maneira errada, ou seja, em má forma. Com isso, geram prejuízos em seus resultados, correm o risco de gerar lesões e ainda passam ridículo quando fazem alguma besteira.

    Já outras, acham que usar cargas demais as farão ficar necessariamente musculosas e começam a querer utilizar cargas sempre submáximas (abaixo do que se aguenta), o que não gerará bons resultados.

    musculacao-com-carga-inadequada

    Portanto, jamais temos que temer ou que exagerar na carga. Use sempre o que for suficiente para máxima intensidade e em boa forma!

    5- Achar que sabe tudo

    Quando entramos em algo novo e logo aprendemos uma coisinha ou outra, já achamos que sabemos tudo até vermos que ainda temos coisas infinitas para aprender. E assim é a vida.

    A musculação sofre com pessoas céticas (que não acreditam nas coisas sem ver com os próprios olhos), sejam elas iniciantes ou avançados. Falando especificamente dos iniciantes, sem sombra de duvidas logo nas primeiras semanas eles já querem fazer tudo por sua conta, querem modificar os treinamentos passados, começam a ler esse ou aquele blog na internet e já acham que sabem de tudo sobre tudo.

    Porém, a realidade é que até mesmo atletas em nível avançado possuem “coachs”, imagine nós, velhos mortais…

    personal-ajudando-treino-musculacao

    Muitas vezes já se acham até suficientemente capazes de instruir ou “dar dicas” para outra pessoa, quando na realidade mal sabem aplicar seus conceitos consigo mesmos.

    Sem sombra de dúvidas, sempre temos muito a aprender, e limitar esse aprendizado é necessariamente comprometer nossos resultados, físicos, estéticos, funcionais e intelectuais.

    Se você sempre quer ter ganhos progressivos, então terá de sempre estar em constante aprendizados. Quando não caracterizamos esses pontos, certamente iremos ter prejuízos. TODOS APRENDEMOS ALGO!

    6- Não descansar adequadamente

    Muitas vezes achamos que quanto mais melhor. Porém, na musculação, normalmente isso é o inverso, a não ser que estejamos falando de disciplina, força de vontade e etc, esses nunca são demais.

    Porém, quanto ao treinamento em si, quanto mais não é melhor! Isso porque o corpo precisa de descanso, físico e mental. Ele necessita restabelecer todas as suas funções e dar um “restart” todos os dias. Quando não conseguimos descansar, seja entre uma sessão de treinos e outra, não temos progresso, pois o corpo não consegue promover seus aspectos de adaptação.

    Todas as sínteses, todos os reparos e todo o metabolismo do corpo exigem TEMPO e, não dando esse tempo, ele não as fará.

    corpo-cansado-pois-nao-descansou

    O excesso de treinamento também é associado com quadros e supressão do sistema imunológico, degradação da massa muscular, supressão da atividade hormonal endógena anabólica, aumento na produção e secreção de hormônios catabólicos, entre outro.

    Portanto, se você não descansar, pouco a pouco irá sentir os efeitos em seu treino, seu corpo e em seu dia-a-dia.

    Portanto dê, pelo menos, 48h de descanso ao seu músculo antes de treiná-lo novamente. Durma bem todos os dias e descanse a mente também, fazendo coisas que lhe agradem.

    7- Considerar demais o uso de suplementos alimentares

    Sim, suplementos alimentares podem auxiliar nos ganhos do praticante de musculação. Porém, muitos ainda acreditam que “sem suplementos não conseguem resultados” e pior: começam a abusar do uso dos suplementos e colocá-los no lugar de uma boa alimentação sólida. Ora! Você já viu algum atleta profissional  fazendo isso? Aliás, por mais que você não queira ser um atleta profissional, é neles que temos de buscar as melhores referências possíveis.

    suplementos-pilula

    O problema é que as pessoas não entendem que os suplementos, como o nome diz, é para suprir alguma necessidade que esta deficiente em sua alimentação. Eles não são pilulas mágicas ou pós mágicos. Parece até que estão comprando uma fórmula mágica que os fará ter os melhores resultados de suas vidas.

    Quando pensamos no uso de suplementos, temos de pensar no que falta em nossa dieta. Se não temos dieta, então falta tudo, logo é necessário primeiro ter uma dieta adequada. Se não faltam itens e você acha que falta, então comece a buscar auxílio profissional. Muitas vezes vale mais a pena gastar com um bom profissional do que com excessos de suplementos.

    8- Não respeitar sua genética

    desejar-corpo-dos-outros

    Muitos iniciantes querem ser como fulano, como ciclano, mas deixam de considerar suas possibilidades genéticas. Assim, passam a sempre estar frustrados por não chegarem a ser igual outra pessoa.

    A realidade é que você tem uma genética própria e jamais será como outro, mas poderá ter ganhos tão positivos quanto, porém de maneiras diferentes.

    Querer ser exatamente como outra pessoa é suicídio na musculação e você ficará cada vez mais frustrado por não conseguir. Seja você mesmo (a) sempre!

    Conclusão

    Iniciantes na musculação, cometem erros clássicos os quais podem ser facilmente identificados por alguém mais experiente e instruído. Cabe então, fazê-los entender verdadeiramente esses erros e corrigi-los a fim de não viciá-los em coisas erradas na musculação e possibilitar ganhos os quais sejam sempre progressivos.

    Bons treinos!



    /* */