• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Principais erros no treino de tríceps

    Comprar Whey Protein Feminino

    O tríceps constitui cerca de ¾ de todo o braço. Na verdade, o tríceps é o grande responsável pelo volume do braço. Claro que a qualidade que ele oferece lateralmente para os braços também é indispensável.

    Conheça alguns dos principais eros que podem estar atrapalhando o crescimento do seu tríceps!

    [ad#2]Além disso, os tríceps são responsáveis pelo movimento de empurrão com os braços, isso é, age sinergicamente com outros grupos musculares e, para obter um bom peitoral e bons ombros, é necessário também um bom desenvolvimento dos tríceps.

    Porém, é extremamente freqüente ver erros grotescos e sutis durante o treinamento dos tríceps e são nos principais que quero dar um enfoque.

    1 – Muito volume

    Tríceps são grupamentos musculares que não respondem bem a um extremo volume. Aliás, creio que nenhum grupo muscular, no que diz respeito a hipertrofia, responde muito bem a esse tipo de estímulo.

    Fazer muitos exercícios ou/e séries imensas, além de descansos extraordinariamente altos é ineficaz para a hipertrofia. Ativar apenas as células vermelhas e gerar hipertrofia sarcoplasmática, pouco adianta para hipertrofia definitiva, com um treinamento de sobrecarga pesado, causando hipertrofia miofibrilar. Lembre-se também que o tríceps é constituído basicamente de três partes, logo 3 exercícios são mais que suficientes para o músculo (lembrando que em todo exercício o tríceps é ativado por inteiro, apenas dando enfoque a uma determinada região dependendo da angulação, exercício e pegada). Você deve atentar-se ao descanso sinérgico do grupamento, afim de não treiná-lo seguidamente. Por exemplo, se treina peito hoje, não é prudente treinar tríceps amanhã ou vice-verso.

    Cupom de Desconto DDM

    2 – Extensões inadequadas

    Talvez o erro mais freqüente seja esse. Tríceps precisam ser ativados por inteiro. Por isso, mantenha as extensões com o máximo de amplitude possível. Nada de movimentos “até 90 graus” ou extensões que mais parecem treinos de serrátil. Aliás, devo desabafar que o que me motivou a escrever este artigo foi um gajo que, enquanto eu fazia meu Cross Over, pediu para revezar e ele fazer extensão de tríceps no pulley. O detalhe é que haviam mais 6 polias a disposição. Mas sabe como são os frangos, né? Necessitam do espelhinho. Aliás, esse, de nada adiantou. Minha vontade foi falar algumas coisas e ainda ofendê-lo de burro pelo que estava fazendo. Mas tem dias que você está realmente cansado e a última coisa que quer é arrumar algum tipo de confusão. Mas voltando… Concentre sempre o movimento e se tiver dificuldades em estabilizar o corpo pelo alto peso, incline o corpo para frente e dê um ou dois passos pequenos para trás. Isso fará com que a estabilidade aumente e você possa colocar mais carga.

    Mas lembre-se de ajudar o mínimo possível com o corpo. E nunca se esqueça de contrair o abdômen.

    3 – Esquecer exercícios unilaterais

    Para muitos, talvez seja desnecessário. Aliás, são geneticamente e neurologicamente privilegiados. Mas para velhos mortais como eu, por exemplo, exercícios unilaterais são indispensáveis, principalmente para manter a simetria e a proporção entre um braço e outro. Além disso, exercícios unilaterais geralmente são o famoso “shapeamento” no músculo.

    4 – Usar apenas máquinas e não fazer exercícios livres

    Tão simples, né? A estabilidade aumenta e as fibras de estabilidade vão literalmente para o saco.

    Exercícios livres são indispensáveis uma vez que exisgem fibras estabilizadoras e de equilíbrio. Além disso, convenhamos que exercícios livres geralmente exigem muito mais força, controle e o próprio equilíbrio… Acho que isso já justifica a maior requisição de fibras, não é mesmo?

    Bons treinos!

    Artigo escrito por Marcelo Sendon

    11 Comentários

    1. Rosa Maria Barbosa 4 meses atrás
    2. Layanne 11 meses atrás
    3. Almeida 3 anos atrás
    4. Giliard 4 anos atrás
    5. marombeiro sofredor 4 anos atrás
    6. Augusto 4 anos atrás
    7. Caio 4 anos atrás
    8. Caio 4 anos atrás
    9. Marco Aurélio 4 anos atrás
    10. Rosângela Ingrid 5 anos atrás
    11. Raphael Lins 5 anos atrás


    /* */