• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    O refrigerante zero não é o maior vilão!

    Descubra que os refrigerantes zero não são os maiores vilões contra a sua dieta e podem ser usados com certa moderação.

    Quando começamos na academia e ouvimos que precisamos melhorar a nossa alimentação, a primeira coisa que fazemos é cortar refrigerantes, gorduras e frituras, não é verdade? Cortamos esses tipos de alimentos/bebidas, pois sabemos o mal que eles podem fazer e que são grandes vilões da saúde e da perda de peso, gerando inúmeros problemas e acumulo de gordura no corpo.

    latas-refrigerante-zero

    Comprar Suplemento BCAA Optimum Nutrition

    Porém hoje em dia temos a opção de refrigerantes zero, que prometem ter zero açúcar e diminuição de outros nutrientes que podem ser prejudiciais ao corpo. Mas fica a dúvida, será que realmente estes refrigerantes zero podem ser usados por nós, praticantes de musculação? Podemos beber sem ter peso na consciência?

    Os refrigerantes sem açúcar

    Quantas vezes você ouviu falar que os refrigerantes deveriam ser evitados ao máximo pelo alto teor de açúcar? Muitas, certamente. Provavelmente pediram para que você trocasse o refrigerante por um “bom suco natural de frutas”, não é mesmo? Especialmente para crianças, cada vez mais a prática da retirada de refrigerantes tende a ocorrer, pelos malefícios os quais eles podem trazer. Além disso, diabéticos, pessoas acima do peso ou diversos outros grupos são restritos ao consumo desses produtos.

    Pensando nisso, a indústria decidiu criar os chamados refrigerantes diet/light e mais recentes os zero. Esses refrigerantes, basicamente tem a mesma composição dos outros, mas não levam açúcares e utilizam de adoçantes para conferirem o sabor adocicado e gostoso do produto.

    Estes produtos foram criados para que possam atender as necessidades destas pessoas que não podem utilizar açucares, como diabéticos ou que não querem ingerir algo muito calórico, pois pretendem perder peso. Porém, esses mesmos refrigerantes que pareciam a salvação, hoje são grandemente condenados, especialmente pelos teores e tipos de adoçantes que possuem, além de outras suposições, como a presença de sódio, conservantes, corantes etc.

    refigerante-zero-no-copo

    Os adoçantes dos refrigerantes

    Depois de muitos anos utilizando boas quantidades de adoçantes, especialmente alguns como o aspartame (talvez o pior deles), percebeu-se que esses eram capazes de promover o desenvolvimento de doenças metabólicas e neurológicas como o mal de Alzheimer ou o mal de Parkinson. Ainda, poderiam causar alterações na pressão arterial, como o assessulfame-K. Parece então que a substituição do açúcar por eles não é tão interessante assim, não é mesmo?

    Talvez… A verdade é que os adoçantes não são lá os itens mais saudáveis do mundo, mas não são tão vilões assim. Isso porque, para que eles apresentem esses maleficios citados, é necessários uma quantidade de consumo alta e constante, para não dizer diário. Além disso, muitos deles são muito mais interessantes serem usados do que o açúcar, propriamente dito.

    Obviamente, uma pessoa que consuma o triplo do recomendado por dia todos os dias tem mais chances do desenvolvimento dos malefícios por eles causados. Porém, pessoas que tem um consumo moderado e/ou de vez em quando, pouco alterarão alguma coisa nesse processo.

    Cupom de Desconto DDM

    Agora se você não segue dieta, se alimenta mal e vive de fast food, tende a agravar os problemas causados pelos adoçantes desses refrigerantes. Mas e uma pessoa que come o tempo todo certo? Os impactos serão mínimos ou nem chegam a existir de maneira realmente significativa. É tudo uma relação de o quanto você faz de certo e o quanto você erra. Se você está acertando mais do que errando, ou seja, seguindo sua dieta direito, comendo alimentos saudáveis, evitando junkie food, não vão ser os refrigerantes zero que irão te fazer mal.

    Hoje em dia, no exterior, muitos países proibiram o uso de aspartame ou reduziram suas quantidades para mínimas nos alimentos, segundo as legislações. Ainda, outros adoçantes também sofreram reduções, como o assessulfame-K. Neste caso, a inserção de adoçantes como a sucralose, um adoçante “mais seguro”, vem sendo mais utilizados. No Brasil, refrigerantes com sucralose são mínimos ou praticamente inexistentes. Algumas marcas estão trazendo produtos com esse adoçante, outras elaborando aqui mesmo. Em breve, com certeza a disponibilidade será bem maior e será possível consumir refrigerantes com “mais segurança”.

    O sódio dos refrigerantes zero são vilões?

    Muitas pessoas costumam dizer que os refrigerantes zero são ricos em sódio e excessos de sódio não são saudáveis e ainda prejudicam a aparência física, causando a retenção hídrica, por exemplo.

    garota bebendo refrigerante zero

    Vou explicar esse tópico com um exemplo, que acho que será mais simples de entender:

    Uma porção de qualquer pão por aí, mesmo os mais saudáveis, integrais de uma boa marca não tem menos de 120-130mg de sódio. Se colocar uma porção de queijo e uma de embutidos, já acrescenta pelo menos 700mg de sódio nesses 120mg, totalizando 820mg de sódio em uma refeição, que não é absurdo essa quantidade. Se pede um prato de comida hoje em dia em qualquer restaurante contendo arroz, feijão e bife, não estará consumindo menos do que 1200-1500mg de sódio. Agora, uma lata de refrigerante zero costuma ter em média 20-30mg de sódio… Você acha isso muito? Para o corpo, isso não é nada! Mesmo que você tente reduzir o sódio total da dieta sem os refrigerantes, eles serão os que menos farão a diferença.

    Portanto, em primeiro lugar, não vamos demonizar o sódio, que é um mineral fundamental para o corpo, mas vamos evitar o seu excesso. Em segunda lugar, lembremos que o sódio dos refrigerantes são muito baixos a ponto de não alterar em nada. Então, não cometa a besteira de dizer que não utiliza refrigerantes pela quantidade de sódio.

    Conclusão:

    Conclusivamente, devemos dizer que os refrigerantes não são os alimentos mais saudáveis do mundo, mas não há porque demonizá-los a ponto de excluir por completo seu consumo. O que parece ser mais prejudicial mesmo são os adoçantes presentes nesses produtos, porém isso pode ser controlado com o uso moderado e buscando sempre refrigerantes zeros que utilizem a sucralose.

    O sódio presente nesses produtos é mínimo e praticamente inexistente, portanto esse não é um item o qual você deva levar em consideração para beber ou deixar de beber.

    Lembre-se de que o que mais importa no geral é a forma e a quantidade de acertos X a quantidade de erros ou escapadas que você comete da dieta. A moderação sempre será a chave para o sucesso e para uma boa saúde. Acerte mais do que erre.

    Boa alimentação.

    Artigo escrito por Marcelo Sendon (@marcelosendon)



    /* */