• Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

  • X

    Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas

    Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 Receitas para Ganho de Massa e Perda de Gordura.

  • Cadastre seu e-mail, e receba todas nossas publicações   

    Só terei ganhos na musculação utilizando suplementos alimentares?

    Os ganhos da musculação estão ligados aos suplementos alimentares ou eu posso ter bons resultados mesmo sem usar nada? Descubra neste artigo!

    Uma das maiores causas para se entrar em uma academia hoje em dia é a busca por uma estética melhor, ou seja, a busca pelo “corpo perfeito”. Engajados pela popularização e exigência social de ter um corpo dentro de padrões estéticos pré-estabelecidos, as pessoas não medem esforços para atingir seu objetivo e como ferramenta vem utilizando fundamentos como a dieta, a prática de exercícios físicos e a utilização de inúmeros recursos complementares e/ou ergogênicos, como a própria suplementação.

    Suplementos alimentares

    Comprar Whey Protein Feminino

    Paralelamente ao exercício que busca a boa forma, a utilização de suplementos alimentares vem crescendo de maneira assustadora. Tão assustadora que até mesmo aqueles que não praticam esportes, mas desejam ter um bom corpo, vem buscando por esses recursos. Entretanto, será mesmo que os suplementos alimentares podem gerar resultados tão satisfatórios assim? Será que um indivíduo, especialmente praticante de musculação, pode vir a ter bons ganhos caso não use suplementos, seja por escolha pessoal, necessidade financeira ou até mesmo alguma outra impossibilidade? É isso que iremos tentar descobrir neste artigo. Vamos lá.

    Para que serve a suplementação

    Principalmente no ramo clínico/médico, a suplementação mostra-se eficaz ao fornecer nutrientes básios a determinadas carências de um paciente. Por exemplo, não é incomum indivíduos soropositivos os quais necessitam ser suplementados com proteínas, indivíduos em pós-operatórios que podem ser suplementados com ácido ascórbico, zinco e arginina, indivíduos com quedas no sistema imunológico que são suplementados com alguns antioxidantes, algumas vitaminas e minerais, indivíduos com perda de massa óssea que são suplementados com cálcio, Vitamina D3, zinco, magnésio e outros co-fatores no metabolismo do cálcio e assim por diante. Logo, não podemos dizer que a suplementação é um ramo restrito, nem tampouco unicamente para atletas.

    Hoje a suplementação pode ser considerada uma forma de inserir em um indivíduo um ou mais nutrientes específicos os quais ele necessite. Assim, de maneira a avaliar um indivíduo enfermo ou não, deve-se saber quais são suas necessidades e falhas para então optar por como e quando suplementá-lo.

    Seja de maneira clínica ou funcional, os primeiros aspectos que regem os suplementos alimentares e seus fundamentos são mesmo de complementos, ou seja, com a função de suprir necessidades as quais naturalmente a alimentação não supre, por motivos fisiológicos ou patogênicos.

    Além dos aspectos nutricionais, a suplementação atual pode receber aspectos ergogênicos, ou seja, os quais visam o aumento de performance, seja por conta de alguma inserção nutricional ou seja por conta de algum mecanismo otimizador de alguma via ou processo metabólico.

    Portanto, diferente do que as pessoas pensam, suplementos alimentares não são substitutos de alimentação com comida, eles não devem ser usados para substituir a alimentação sólida. Suplementos devem ser usado para corrigir falhas na alimentação, para dar praticidade a uma ou outra refeição e como complemento da dieta em geral.

    Cupom de Desconto DDM

    Suplementos na preteleira

    Suplementos não são “pós mágicos”

    Muitos acreditam que a suplementação apresente apenas aspectos ergogênicos, ou seja, acreditam que seus ganhos tornam-se limitados sem a utilização de whey protein, que seus treinos tem baixo rendimento sem a utilização de algum tipo de pré-treino, acreditam que só terão ganhos se usarem aqueles paks dos mais diferentes tipos, acreditam que só terão volume muscular e força utilizando creatina e assim por diante.

    É o que costumo dizer quando me perguntam o que se deve tomar para ter resultados: “Primeiro é necessário ter uma dieta antes de pensar em complementar algo. Se você tem um carro, faz sentido você ir ao posto de combustível abastecê-lo, mas se não tem um carro, para que você vai a um posto de combustível?”. Pois bem, assim fica claro perceber que os suplementos alimentares só entram na dieta e só proporcionam ganhos quando aliados a um sistema todo.

    Os suplementos alimentares NÃO são os responsáveis pelos ganhos, efetivamente. Eles podem sim ser usados como ferramentas para facilitar ou suprir necessidades específicas. Mais do que isso, é extremamente necessário entender que eles são parte de uma alimentação e não algo necessariamente destinado para gerar ganhos. Um indivíduo pode bem ter um corpo normal, ser eutrófico, não praticar esportes e consumir suplementos alimentares, para favorecer a alimentação durante o dia e nem por isso irá apresentar efetivamente ganhos musculares.

    Portanto pare de achar que suplementos alimentares são “pós mágicos” que irão te dar resultados só por usá-los. Suplementos são sim muito bons, quando inseridos em uma dieta correta.

    Os atletas do passado e os ganhos

    Para afirmar todo o texto anterior, é fácil observar atletas do passado. Verdade que eles, se quer chegam aos pés dos atletas atuais, mas devemos saber que eles eram os melhores na época e comparados a maioria dos indivíduos de hoje que frequentam uma academia, tinham corpos muito melhores.

    E sabe do que eles disponibilizavam? Alimento! Comida! E comida ingerida sem os devidos avanços e conhecimentos dietéticos os quais temos hoje a fim de melhor manipular a dieta. Esses atletas obtinham ganhos, pois conseguiam fornecer, pelo menos, de maneira mínima o que seus corpos precisavam. E será que nós, com tudo que temos hoje, não conseguiríamos também bons resultados sem o uso da suplementação? E a resposta é: certamente sim, com um pouco mais de esforço.

    Arnold se alimentando com comida

    Conclusão:

    Facilmente podemos perceber que os suplementos alimentares podem ser grandes aliados na dieta, entretanto eles não são os principais geradores de benefícios da mesma. Muito mais do que isso, os suplementos devem estar aliados dentro de protocolos os quais possam os tornar efetivos e úteis.

    Bons treinos!

    Artigo escrito por Marcelo Sendon (@marcelosendon)



    /* */