Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas.

Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

X
HomeSuplementosDicas sobre suplementaçãoConheça 5 Dicas para Melhorar o uso de Suplementos

Conheça 5 Dicas para Melhorar o uso de Suplementos

Conheça algumas dicas simples e que podem te ajudar a usar seus suplementos de forma mais eficaz, melhorando seus resultados e fazendo você economizar!

dicas-para-melhorar-uso-de-suplementos


O uso de suplementos é algo comum hoje em dia, principalmente para pessoas que praticam algum tipo de esporte, como a musculação! Mas será com o crescimento do uso, as pessoas estão utilizando da melhor forma possível?

Eu posso te garantir que não! Todos os dias recebemos diversos pedidos de pessoas perguntando sobre como utilizar e como melhorar os resultados dos suplementos que elas utilizam.

E por isso, resolvemos escrever um artigo que possa ajudar ao máximo de pessoas possíveis, em como melhorar e otimizar o uso de suplementos, fazendo com que possa obter mais resultados.

Se você também tem essa dúvida, não deixe de conferir nossas dicas abaixo.

1- Use proteínas misturadas

Proteínas misturadas, seja por você, ou por produtos já feitos como os chamados “Blends de proteínas” ou “proteínas time-release” são não somente uma opção mais interessante para a maioria das pessoas, mas podem gerar efeitos fisiológicos mais interessantes do que o uso de whey protein apenas ou ainda, de alguma outra proteína que esteja sozinha.

De uma maneira geral, quando comparamos o whey protein (seja sele isolado, concentrado ou hidrolisado) com outras proteínas, como a caseína ou a albumina, vemos que ele possui uma digestão muito mais rápida e, em alguns casos como no do whey protein hidrolisado, boa parte das proteínas se quer passam por digestão e, já são logo absorvidas no intestino. Diferentemente, as outras proteínas precisam ser trabalhadas e hidrolisadas para que seus aminoácidos, di-peptídeos e tri-peptídeos possam ser absorvidos no intestino.

mistura de proteinas

A grosso modo, muitas pessoas acham que o uso do whey então é mais vantajoso, mas nem sempre é. Da mesma maneira em que o whey protein permite que os aminoácidos entrem rapidamente na corrente sanguínea, em poucas horas já não consegue manter essa infusão de aminoácidos e há uma queda significativa no aminograma sanguíneo.

Apesar do whey protein ser rico em aminoácidos essenciais e, especialmente em L-Leucina (ainda mais quando ele é enriquecido), quando mesclado com a caseína, por exemplo, seu perfil de aminoácidos fica ainda mais completo e, as probabilidades de aumento de síntese protéica também aumentam muito. O time release promovido por proteínas de lenta digestão em combinação com o whey, também permitem uma infusão de maior continuidade de aminoácidos na corrente sanguínea.

Mesmo algumas outras proteínas, como a exemplo das proteínas vegetais, suas combinações também podem as tornar com uma biodisponibilidade e um valor biológico muito maior, como quando misturamos a proteína da ervilha com a proteína do arroz que se completam e, portanto, trazem um perfil nutricional muito melhor ao corpo.

Claro que em alguns casos, como em momentos muito precedentes ao treino, o uso, por exemplo, do whey protein hidrolisado é mais interessante, mas, são casos específicos e, de uma forma geral, misturar as proteínas será mais vantajoso para você e, em tempo, mais barato também.

2- Consuma adequadamente o ratio de BCAAs

Normalmente, vemos BCAAs com diferentes ratios, como 3:1:1, 5:1:1 ou o famoso 2:1:1. A realidade é que eles demonstram normalmente as concentrações de L-Leucina, L-Isoleucina e L-Valina.

Porém, normalmente as pessoas focam apenas nas concentrações de L-Leucina, que de fato é o principal aminoácido responsável pela síntese protéica. Entretanto, os outros aminoácidos também são importantes e eles possuem funções essenciais em nosso corpo, especialmente no que tange a prática esportiva.

ratio bcaa

A isoleucina, por exemplo, auxilia no fornecimento de energia durante o treino, auxilia no reparo muscular, auxilia a produção de hemoglobina e também auxilia na manutenção da glicose sanguínea. Já a valina que é cerca de 70% dos aminoácidos musculares, auxilia na manutenção dos níveis de nitrogênio, auxilia na ativação do sistema imunológico, e contribui para processos hepáticos e biliares.

Sendo assim, ratios muito elevados de L-Leucna, inclusive, podem não ser tão benéficos, na medida em que, sabe-se que consumos excessivos desse aminoácido podem inibir a síntese proteica por efeito rebote, o que não será nada interessante.

Sendo assim, procure sempre observar as dosagens de BCAAs no seu produto (e não a quantidade de produto), dos aminoácidos específicos e então selecionar o produto que mais se adequada a você.

3- Considere repensar no uso da Arginina

A L-Arginina é um aminoácido condicionalmente essencial ao corpo, ou seja, é um aminoácido necessário em algumas situações específicas como, por exemplo, para momentos onde há necessidade de maior cicatrização de algum tecido.

A L-Arginina é o principal aminoácido responsável pela produção de óxido nítrico no corpo, que é um poderoso vasodilatador e, além de suas funções fisiológicas no corpo, pode contribuir positivamente para uma melhora na performance física.

conheca arginina

Muitas pessoas costumam suplementar com L-Arginina a fim de elevar os níveis de óxido nítrico. Porém, sabemos que a suplementação com ela além de controversa, tem sido mais propensa a ser declarada como ineficiente, seja por motivos relacionados à absorção da mesma ou mesmo a sua própria síntese em óxido nítrico, propriamente dito.

Estudos mostram que até consumos superiores a 5g via oral não aumentam os níveis de óxido nítrico. Outros estudos já até mostram um ligeiro aumento, mas, nada realmente significativo e, mesmo assim, as dosagens necessárias são elevadas demais (o que também custaria muito caro!).

Entretanto, existem alternativas a ela como, por exemplo, a L-Citrulina, que tem se mostrado mais eficiente. Além dela, uma própria alimentação a qual seja rica em proteínas já é importantíssima e eficiente para aumentar naturalmente os níveis de óxido nítrico.

4- Não tenha medo de consumir creatina: Esse é o suplemento que mais vale a pena

Se existe um suplemento o qual diria que vale a pena, esse é a creatina, um aminoácido que quando suplementado pode trazer benefícios à performance e à saúde também. E é por isso que suplementamos com a creatina. Mas, afinal, o que a creatina faz?

Usando creatina no horário correto

Em primeira instância, sabemos que o corpo utiliza como energia uma molécula chamada Adenosina trifosfato, ou ATP, que é como se fosse uma “moeda energética”. Quando o corpo a utiliza, ela perde uma grupamento fosfato e, com isso, se torna um “ADP”, ou uma adenosina difosfato, a qual até pode ser usada como energia, mas de maneira muito menos eficiente, ainda mais nas atividades físicas onde há uma demanda energética muito alta.

Sendo assim, a creatina faz com que um grupamento fosfato seu seja doado para a molécula de ADP, fazendo com que ele se transforme novamente em um ATP e, portanto, possa ser utilizado como energia de maneira eficiente. E isso ocorre de maneira bastante rápida, especialmente sob as atividades físicas.

Porém, nossos níveis de creatina (que primordialmente são armazenados nos músculos) são muito baixas e a suplementação com ela é altamente eficiente para aumentar essas concentrações e fazer com que ela exerça seus efeitos de maneira mais eficiente.

Além desses benefícios, ela também aumenta a síntese protéica e carrega água para dentro dos músculos, aumentando o volume deles, melhorando sua hidratação, melhorando a chegada de nutrientes entre outros fatores.

creatina growth caio bottura

Em termos gerais, a creatina faz com que você aumente sua força, aumente a resistência e o poder de contração muscular. O resultado? Treinos mais intensos que, frente a uma boa recuperação, irão gerar resultados positivos também.

Sendo assim, sem sombra de dúvidas, se você tem de investir em um suplemento barato, eficiente e seguro, esse é a creatina, seja você homem ou mulher e esteja você em fase de ganho de massa magra ou de perda de gordura corpórea.

5- Não compre pré-treinos apenas pelo poder de estimulação

Muitas pessoas compram suplementos pré-treino a fim de melhorar a performance do seu treino e muitos deles são eficientes porque possuem ingredientes os quais podem reduzir a fadiga, podem melhorar a resposta do sistema nervoso central durante o treino, podem melhorar a recuperação pós-treino entre outros fatores.

Entretanto, suplementos pré-treino são tidos como “estimulantes” para muito e, principalmente o brasileiro tem o mal hábito de julgar se um produto é ou não bom por conta de seus colaterais.

Sabemos que excessos de estimulantes em nada ajudam o treino e até podem ser prejudiciais e catabólicos (especialmente se a sua dieta não estiver 100%). Ainda, se você usa excessos de estimulantes e promove grandes níveis de vasoconstrição, vai começar a ter dificuldades na chegada de oxigênio e outros nutrientes para os músculos, prejudicando assim o treinamento como um todo.

uso pre treino estimulante

Isso tudo, sem contar que estimulantes em excesso podem fazer com que seu sono possa ser prejudicado, a longo prazo podem fazer com que você se torne dependente e, mais tarde entre em quadros de depressão e outros problemas além de fazer com que seu corpo fique tolerante demais a eles e, quando você realmente precisar, não vai conseguir bons estímulos e resultados ao usá-los.

Portanto, a dica mais importante na hora de você escolher e comprar seu pré-treino e escolher aqueles os quais tenham nutrientes os quais possam otimizar o treino em anabolismo e não em grau de estimulantes. Use compostos que contenham nutrientes como a beta-alanina, a citrulina, creatina, redutores de fadiga, entre outros. Você verá como os resultados serão muito mais positivos.

Conclusão

Contudo, neste artigo pudemos conhecer algumas importantes dicas para você que quer otimizar os seus resultados usando corretamente suplementos.

Porém, lembre-se sempre de seguir essas dicas adequando as suas necessidades individuais que serão essencialmente importantes para que tudo dê certo.

Valorize o seu dinheiro e sempre busque informações as quais possam te levar às escolhas certas de suplementos.

Boa suplementação!

Gostou do conteúdo? Clique nas Estrelinhas abaixo e nos diga, de 1 a 5, qual a sua nota para este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 3

Conheça 5 Dicas para Melhorar o uso de Suplementos
suplemento bcaa growth supplements

Artigos Relacionados

Suplementos em Promoção


Receba mais artigos

Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas.

Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

Deixe o seu comentário!