quarta-feira, junho 29, 2022
Promoção Suplementos Mais Baratos
InícioDicas de musculação em geralMusculação na adolescência atrapalha no crescimento? Pt2

Musculação na adolescência atrapalha no crescimento? Pt2

Tempo de Leitura: 2 minutos

Será que praticar a musculação desde novo é prejudicial ao crescimento ósseo? Pt2

E é durante a adolescência que temos maior ganho ósseo, na chamada fase de estirão, onde os hormônios estão realmente a flor da pele, em picos de atividade, gerando as mais diferenças modificações no indivíduo que, normalmente resultarão por toda sua vida. E esse crescimento é principalmente determinado pelas características genéticas herdadas (impossibilitando em condições normais de pais baixos com avós baixos, terem filhos altos, por exemplo). [ad#2]Em segundo e não menos importante, não podemos deixar de lado a dieta que, fornece substrato suficiente para que haja os diferentes tipos de material para que o crescimento ocorra normalmente, potencializando as características genéticas.

A força gravitacional (externa) e a contração muscular (interna) são duas forças mecânicas primárias aplicadas na estrutura óssea ao longo da vida desde o nascimento. Estas forças incidentes sobre o esqueleto induzem reestruturações ósseas específicas conforme suas intensidades, tanto no sentido longitudinal (vertical) quanto transversal (horizontal), sob a forma de tração, compressão, deslizamento ou torção. (USP, Revista Mackenze, SP). Desta forma, os exercícios aeróbios não possuem, nesse fator, a mesma vantagem de exercícios com compressão, como a musculação. Aliás, alguns estudos demonstram maior densidade óssea em fisiculturistas do que em atletas de outras modalidades como nadadores e corredores.

Comparando a musculatura esquelética então, com as células ósseas, podemos traçar um paralelo sobre o stress gerado nas mesmas e capacidade de recuperação e de refazer os tecidos danados pelo exercício ou pelo dia-a-dia. E isso também envolve plenamente o sistema endócrino, visto que o exercício físico também o estimula. Aliás, lembre-se que durante a atividade física até mesmo os níveis de GH tendem a ser maiores.

E, apesar dos estudos ainda serem relativamente novos, temos de concordar dos diferentes benefícios que a musculação adequada e prudente no caso de crianças, traz, além do crescimento, como força, desenvolvimento endócrino otimizado, melhoria no sistema cardiovascular, melhora na sensibilidade à insulina etc.

 

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui




Enter Captcha Here :

Mais Recentes

Comentários Recentes