Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas.

Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

X
HomeDicas de MusculaçãoDicas de musculação em geralAprenda 5 Razões Pelas Quais a Maioria das Pessoas Abandonam a Dieta

Aprenda 5 Razões Pelas Quais a Maioria das Pessoas Abandonam a Dieta

Conheça alguns dos motivos que mais fazem com que pessoas abandonem a sua dieta e não consigam realizar o desejo de ter o corpo dos sonhos... E aprenda como corrigi-los!

Razoes Pelas Quais Abandonam Dieta

A palavra “dieta” é uma palavra que causa medo em muitas pessoas. Muitas pessoas quando chegam para falar comigo sobre alimentação e eu começo a falar sobre “dieta”, já meio que desistem na hora da conversa, pois pensam que a alimentação (dieta) será algo restritivo, com comidas ruins e etc… E isso é efeito das pessoas associarem a palavra “dieta” com o objetivo de perder peso e com restrições alimentares… Mas dieta é muito mais do que isso.

bcaa growth supplements

A dieta (alimentação) é necessária para qualquer objetivo que você tenha na vida, seja ele estético ou de saúde, seja para ganho de massa muscular ou perda de gordura, seja para prevenir doenças ou tratá-las… Enfim, a dieta é essencial para que você possa sobreviver, pois sem ela você irá acabar adoecendo e morrendo.

Mas, fazer dieta se tornou sinônimo de tortura para alguns e, para outros, de impossibilidades também, sejam elas financeiras ou outras quaisquer. E justamente por isso é que grande parte dos indivíduos que começam uma dieta, não conseguem continua-la por períodos longos ou mantê-la por sua vida.

E, na maioria das vezes, o problema esta na concepção da dieta. Uma alimentação precisa ser elaborada pensando em todos os pontos da pessoa que vai consumi-la. Por exemplo, não adianta eu colocar que a pessoa tem que comer ovos, se ela tem pavor disso… Não adianta eu mandar ela comprar alimentos caros se ela não tem condições financeiras… E assim por diante

Portanto neste artigo quero trazer 5 Principais Razões Pelas Quais a Maioria das Pessoas Abandonam as Dietas, visando assim corrigi-los e solucionar grande parte de seus problemas. Está pronto para levar a sua próxima dieta por mais tempo?

– Está precisando de um protocolo de dieta e de treinamento individualizados para você? Então, acesse já o www.consultoriaperfeita.com.br e descubra como! –

1- Você está gastando demais com a dieta!

Muitas pessoas acham que dieta é impossível porque é necessário gastar muito. A grosso modo, dieta não é sinônimo de gastar muito. Isso porque, é necessário sim investir na sua alimentação, mas ela deve estar dentro do que você pode gastar e não além disso, pois você não vai conseguir mantê-la por muito tempo e terá mais prejuízos em sua vida do que benefícios. A menos que você seja um atleta de ponta, por exemplo, não vai ser necessário investir toneladas de dinheiro na dieta e, mesmo assim, o que você gastará comendo certo, será muito menos do que o que você rasga de dinheiro aos finais de semana com aquela cervejinha, aquele churrasco ou mesmo no dia-a-dia com as inúmeras redes de fast food só porque você tem preguiça e/ou vergonha de carregar sua própria marmita.

LEIA >>> A Dieta é Realmente Mais Cara do que os Lanches na Rua?

Fazer contas no Supermercado

Em primeiro lugar, o importante é saber que você tem de fazer o que precisa ser feito com o que você tem em mãos. Se preocupar com o que você NÃO TEM em mãos simplesmente vai te deixar estressado e vai ser sinônimo de você não dar continuidade na dieta. Não adianta você querer fazer 3 refeições por dia de salmão, se a sua possibilidade é investir apenas em bons cortes magros de carne bovina e em alguns peitos de frango. A pessoa realmente consegue resultados quando ela percebe que ela tem que fazer a dieta de acordo com o que ela tem em mãos, para que isso não seja apenas um sonho.

Hoje, vemos por aí muitos nutricionistas que aplicam a utilização de alimentos desnecessários (e muitas vezes ineficientes também) e sem medir as regras. Iogurte grego, sal rosa do Himalaia, temperos sem sódio, farinha de chia, pão de forma integral, cereal matinal e assim por diante… Mas, será que todos podem investir nisso? E ainda, será que esses alimentos são realmente eficientes? É algo a se perguntar…

Se o indivíduo usa sal iodado que custa 2 reais o kg, por que investir 10 reais em 100g de sal rosa do Himalaia? Por conta de um por cento a mais de algum mineral e alguma porcentagem menor de sódio? Se o indivíduo já consome sardinha na dieta, qual a função do ômega-3 de origem vegetal da farinha de chia (que, por sinal nem é absorvido pelo corpo)? E, se ele consome boas fontes de carboidratos que custam menos do que o pão (e muitas vezes são até mais saudáveis), por que vai investir a cada três dias 10 reais em um pacotinho de pão integral? Se, além de ser necessário o uso de sal e sódio dieta, o indivíduo consegue usar boas fontes de temperos naturais, ervas etc, por que ele tem de pagar 30 reais em um potinho de 70g de um tempero desses prontos em pó sem adição de sódio? Se ele já consome quantidades boas de proteínas, com o leite, por exemplo, que custa 2 reais o litro, por que então tem de investir 3 ou 4 reais em um potinho de 100g de iogurte grego de boa qualidade?

O que acontece não é que esses alimentos sejam ruins, mas sim, eles são caros e são substituíveis, diferente do que muitos céticos acreditam. E é justamente essa falta de tato de grande parte dos profissionais é que faz com que a dieta seja cara demais e, claro, o indivíduo não a consiga manter por muito tempo.

Por isso, é importante começar com o que você tem. Se são os alimentos básicos (arroz, feijão, carne, macarrão, vegetais, algumas frutas, ovos e talvez um pouco de leite e aveia), que assim seja! Mas, ajuste e acordo com suas necessidades E FAÇA! O importante é não se deter a detalhes, mas sim, ao macro para quando (e se) for possível, você tornar mais detalhada sua dieta.

APRENDA >>> 9 Dicas para Fazer a sua Dieta Mais Barata

2- Sua dieta não te traz o mínimo de prazer

Costumo dizer que as pessoas muitas vezes são 8 ou 80. Ou elas querem comer tudo de maneira inadequada (e o fazem) e, por outro lado, querem entrar em um extremismo por uma vida saudável (muitas vezes é feito de maneira totalmente inadequada).

Isso, em outras palavras, quer dizer que alguns indivíduos querem comer pizza 3 vezes na semana, hambúrguer com batatas fritas em qualquer rede de fast food diariamente, alguns sorvetes na semana. Já outros, fazem uma comida “lavada em água” sem tempero, sem condições de boas características organolépticas e de maneira totalmente “purista”, fazendo com que, em muito pouco tempo, aquele alimento se torne intragável e, claro, ela não consiga mais pensar em fazer dieta!

Comida sem Graça

Não há mal nenhum em temperar sua comida, em fazer ela ficar gostosa entre outras coisas. O que ocorre é que boa parte, pensa que temperos se resumem a sal e óleo, quando na verdade, estes apenas realçam sabores e não dão sabor, propriamente dito. A combinação de ervas aromáticas, de pimentas, alho, cebola entre outras inúmeras opções são muito mais válidas. Logicamente, você PRECISA DE SAL e, claro, ele deve ser usado com moderação. Sem salgar o alimento demais, mas, sem negligenciar este importante complemento de sua dieta (que possui funções fisiológicas indispensáveis para a vida).

ENTENDA >>> A Dieta do Praticante de Musculação Também Pode ser Saborosa!

Além disso, você tem inúmeras formas de incrementar sabor ao seu alimento: Ketchup, mostarda, barbecue (preferencialmente sem xarope de milho com alto teor de frutose), molhos de pimenta, molhos diversos sem adição de gorduras também podem ser usados sem prejudicar sua dieta. Aliás, não sei porque existe tanto terror em usar esses complementos de sabor… E, eles não precisam ser necessariamente aqueles molhos zero tudo. Obviamente, você não vai usar uma embalagem inteira de ketchup por dia, então, não há porque temer.

Se você deixa sua dieta mais saborosa, fica muito mais viável mantê-la porque você sentirá prazer quando estiver comendo. Agora, se cada vez que você tiver de comer, isso se tornar uma tortura para você, certamente isso não vai durar muito tempo, pois, lembre-se que a alimentação está fortemente associada com emoções, com o psicológico e com a mente de uma forma geral.

Variar as formas de preparações (grelhados, assados, cozidos em água, cozidos no vapor, em fritadeira elétrica sem óleo ou até mesmo cru) são excelentes formas de sentir os alimentos de formas diferentes buscando aquelas que mais possam te agradar. Fazendo isso você também consegue consumir uma diversidade maior de alimentos, o que fornecerá uma gama de nutrientes ainda maior para seu corpo.

3- Não ajustar a dieta de acordo com as necessidades fisiológicas daquela fase

Pense bem: Seu corpo é alterado dia-a-dia. Não é por acaso que um dia você está com mais fome, no outro mais inapetente… Um dia você consegue beber mais água, no outro não… E assim por diante. Isso se deve, entre outros fatores, principalmente porque seu corpo está em determinada situação fisiológica em um momento. Por exemplo, num dia que você correu demais, teve muita agitação, ao final, você costuma sentir mais fome. Já num dia parado, com pouco gasto de energia, normalmente você se sente sem fome e se come o que comeria num dia mais agitado e movimentado, acaba se sentindo enjoado… Isso não é por acaso: Seu corpo dia-a-dia passa por mudanças e, mudanças essas que devem ser levadas em consideração na hora de você se alimentar. Além disso, as próprias fases as quais passamos durante o ano (bulking, cutting etc) requerem ingestões calóricas e de macronutrientes diferentes.

bcaa growth supplements

Se você passa o ano com a mesma dieta e não a ajusta de acordo com o momento, então, com certeza você logo vai desistir porque ela vai se tornar uma tortura. Lógico, se você quer perder gordura e sente fome e acha que, simplesmente por isso deve sair comendo até se sentir satisfeito, você está cometendo um erro. Da mesma forma, se você deseja incrementar massa muscular em seu shape e acha que se alimentando igual um passarinho vai conseguir, também estará arruinando seus resultados. De uma maneira geral, você deve ajustar tudo ao que você precisa e, com isso poder variar adequadamente a sua dieta. Obviamente, você tem de ser consciente e coerente para isso.

Não adianta nada você sair comendo de maneira tão forçada (mesmo precisando de calorias) a ponto de passar mal. Da mesma forma, não adianta você querer comer muito pouco ou até menos do que você precisa querendo perder peso mais rápido.

É importante ouvir não só sua mente, mas também, seu corpo e diante da junção corpo e mente é que você deve traçar a sua dieta e ajustá-la adequadamente.

4- Você retira coisas as quais não são necessárias retirar da dieta

Quando começamos uma dieta, a primeira coisa que fazemos é retirar coisas óbvias as quais o corpo não precisa e que possuem muitas calorias como frituras em óleo, preparações as quais levam muita gordura, açúcares refinados em excesso, refrigerantes, doces, balas, chocolates, lanches muito calóricos, alimentos em conserva de óleo, embutidos, carnes gordas etc. E isso já é um bom começo.

O que ocorre é que muitas pessoas, mesmo tendo ajustado a sua dieta, passam a retirar coisas as quais NÃO PRECISAM SER RETIRADAS.

Alimentos que não precisam ser retirados da dieta

É muito comum vermos pessoas que tiram temperos da comida (até mesmo alho, cebola etc), pessoas que retiram todo e qualquer tipo de molho (ketchup, mostarda, molhos de pimenta etc), que retiram o sal (que jamais deve ser retirado da dieta!!!!), que retiram refrigerantes e sucos zero, que retiram adoçantes sintéticos totalmente, que retiram glúten, lactose… E quando eles percebem, ou estão gastando toneladas de dinheiro com esses produtos muito fitness (e que só servem para comer dinheiro dos menos informados) ou estão comendo coisas as quais se tornam inviáveis.

Você tem de retirar sim algumas coisas de sua dieta, mas, se parar para pensar em alguns dos itens mencionados anteriormente, vai perceber que eles não irão fazer mal algum. O refrigerante zero, por exemplo, apesar de ter adoçante (e, na maioria sendo ele o Aspartame), não fará mal se você tomar uma vez ao dia ou a cada dois dias… a quantidade de sódio presente nele é insignificante também… Os molhos, não irão incrementar tantas calorias assim na sua dieta a ponto de prejudicar algo… Os temperos naturais nem devem ser computados como calorias… O Glúten e a lactose não interferirão em sua dieta, a não ser que você seja alérgico ao glúten ou às proteínas do trigo ou mesmo intolerante à lactose… Da mesma forma, o sódio é essencial para a manutenção da vida e não fará mal também desde que consumido adequadamente (com moderação)…

Se fazer dieta se tornar sinônimo de ter de retirar tudo que você gosta de comer, então, certamente você irá desistir muito rápido… A grande dificuldade das pessoas não é partir para o extremismo (isso é muito fácil de fazer!), mas sim, saber equilibrar o útil ao agradável… Portanto, novamente a sensatez reina por aqui.

5- Você pensa em dieta 24h por dia

Tem gente que quando começa uma dieta, deixa de sair com os amigos, termina o namoro, se recusa a ir para uma festa (mesmo que importante) e passa até a brigar com os familiares pelos diferentes hábitos alimentares, fazendo assim com que ela se torne totalmente antissocial e passe a viver em função da dieta.

Pensar em Dieta o Tempo Todo

Obviamente, quando fazemos dieta, temos de abdicar algumas coisas ou, pelo menos, a frequência com que as fazemos. Entretanto, isso está longe de significar se tornar um “bicho do mato”, recluso em sua jaula e vivendo em função do que comer e quando comer.

Fazer dieta deve ser algo que você possa se sentir bem e, para isso, o mundo que te cerca tem de estar ativo junto com você. Então, você deve saber balancear os seus hábitos novos, os costumes antigos, os hábitos de amigos e familiares e saber quando dar uma folga com as coisas também.

Costumo dizer que o sucesso de uma dieta depende do quanto você acerta e erra. Se você erra mais do que acerta, não irá ter resultados, claro! Mas, se você estiver acertando mais do que errando, então, com certeza já terá bons resultados. Se você faz dieta 6 dias por semana e, num sábado a noite, decide sair com os amigos e comer algo diferente, não há nada mal nisso. Se você fez dieta nos últimos 15 dias e tem uma festa importante para ir, isso não irá arruinar seus resultados. Claro que, o equilíbrio de sair e não beber/comer feito um louco, é essencial! Lembre-se de que não adianta consumir 500Kcal a menos das suas necessidades nutricionais individuais por dia durante 6 dias e em uma sétimo dia consumir 4000Kcal a mais em uma pizzaria, pois, na semana, você irá consumir 1000Kcal a mais do que deve.

Portanto, não pense em dieta 24h por dia. Faça dela um hábito saudável e que possa se ajustar com coisas as quais você também goste de fazer e que te tragam pessoas para perto de você a fim de apoiá-lo ainda mais!

Conclusão

Conhecemos neste artigo os fatores mais relevantes que fazem as pessoas abandonarem a dieta… E se você souber como evitá-los, com certeza, terá muito mais chances de seguir com a sua dieta e conquistar o corpo dos seus sonhos.

Lembre-se, a dieta não é algo ruim e não precisa ser. Basta que você saiba como fazer dela um hábito, habito esse que pode ser perfeitamente entendido como alimentação.

Boa dieta!

bcaa growth supplements

Artigos Relacionados

Suplementos em Promoção

Receba mais artigos

Ganhe de GRAÇA um E-book com 20 receitas.

Coloque seu e-mail ao lado e receba um e-book com 20 receitas para Ganho de Massa Muscular e Perda de Gordura.

Deixe o seu comentário!